Atrair mais visitantes ao concelho e incentivar o nascimento e crescimento de negócios relacionados com o turismo

Barcelos vai ter parque de apoio ao peregrino a Santiago em Macieira de Rates

Barcelos vai ter parque de apoio ao peregrino a Santiago em Macieira de Rates

Pub

 

 

A Câmara Municipal de Barcelos adjudicou a obra do parque de apoio ao peregrino, em Macieira de Rates. A infraestrutura consiste num parque de repouso e lazer pensado para intensificar a relação entre o peregrino e o território local.

Trata-se de um projeto de promoção e valorização dos recursos e de apoio a infraestruturas turísticas voltados para o Caminho de Santiago no concelho de Barcelos, e consiste na criação de uma infraestrutura de apoio ao peregrino com uma área de 436 metros quadrados, com zona de estar e descanso, área para refeições e parque para bicicletas e relação do peregrino de Santiago com o território, a construir na freguesia de Macieira de Rates.

Na base deste projeto,  que representa um investimento de 57.061,74€, sendo comparticipado em 46.374,46€ no âmbito do programa operacional Norte 2020, está a relevância e a diversidade dos recursos patrimoniais materiais e imateriais do concelho, valorizando itinerários já existentes e estruturantes como é o Caminho de Santiago, dada a sua relevância para o turismo de Barcelos e para a divulgação da cultural local.

Neste sentido, e complementando outras ações de valorização turística que o Município de Barcelos tem em curso, designadamente no âmbito da Cidade Criativa da UNESCO, a obra, por ora designada “Qualificação das experiências de touring cultural no Minho – De Passagem / Barcelos”, integra a Estratégia de Eficiência Coletiva PROVERE MINHO INOVAÇÃO. Será ainda relevante para atrair mais visitantes e incentivar o surgimento e crescimento de negócios relacionados com o turismo, nomeadamente empresas de animação turística e estabelecimentos de hotelaria, restauração e afins.

Imagem: Município de Barcelos

**

*

VILA NOVA, o seu diário digital

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco (preferencial), mbway ou paypal.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

MBWay: 919983484

Paypal: pedrocosta@vilanovaonline.pt

Obs: envie-nos os deus dados e na volta do correio receberá o respetivo recibo para efeitos fiscais ou outros.

Gratos pela sua colaboração.

*

Pub

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.