Referência cada vez mais incontornável do setor vinícola no plano mundial

Vinhos de Portugal registam excelente performance em ano difícil

Vinhos de Portugal registam excelente performance em ano difícil

Pub

 

 

O setor vinícola está muito satisfeito com os números acabados de revelar pelo Instituto da Vinha e do Vinho (IVV) referentes ao balanço da atividade entre Janeiro e Setembro de 2021. As excelentes notícias, divulgadas no Fórum Anual dos Vinhos de Portugal 2021, uma iniciativa da ViniPortugal, esta quarta-feira, 24 de Novembro, surgem nos números das exportações, no seguimento dos anos anteriores, mas o desempenho do vinho no mercado nacional é também excelente quando se tem em conta as severas restrições a que a restauração esteve sujeita desde o início da pandemia de Covid-19 e o decréscimo do setor do turismo.

Exportações de vinho crescem em volume e em valor significativo

As excelentes notícias surgem sobretudo nos números das exportações em que de Janeiro a Setembro de 2021, Portugal aumentou 6,7% o volume das exportações (244 milhões de litros) e cresceu 11,7% em valor (669 milhões de euros), tendo o preço médio igualmente aumentado 4,7%, atingindo os 2,75€/l. “É de salientar que desde 2010, com ligeira interrupção em 2016, que Portugal cresce nas exportações, em valor e volume, um marco do sector, especialmente quando assistimos aos principais mercados importadores a diminuir a sua capacidade de resposta. O sector tem conseguido aproveitar da melhor forma estas fragilidades e, deste modo, conseguido ganhar cada vez mais quota internacional. O nosso objetivo para 2022 está em linha com o que temos vindo a fazer: queremos aumentar o valor em preço dos nossos vinhos, pois temos a excelência necessária para isso. A performance dos Vinhos de Portugal são um reflexo da resiliência e esforço de todo o nosso sector”, refere, a este propósito, Frederico Falcão, Presidente da ViniPortugal.

Quanto aos 5 maiores mercados de destino do vinho português temos França (84 milhões de euros), EUA (83 milhões), Reino Unido (60 milhões), Brasil (55 milhões) e Alemanha (40 milhões), as cinco geografias somadas representam 44,9% do volume total exportado e 48,1% do valor total exportado.

Numa perspectiva mundial, Portugal registou um aumento da sua quota de mercado Em todos os mercados, com excepção da China) Portugal reforçou a sua presença e atingiu crescimentos sustentados face a 2020. Ao todo, o País registou 669 milhões de vinho exportado de Janeiro a Setembro de 2021, um crescimento de quase 12% e um aumento próximo dos 5% do preço médio, em comparação ao período homólogo.

Ligeira quebra no mercado vínico nacional

Entretanto, segundo os dados apresentados pelo IVV (Instituto da Vinha e do Vinho), de Janeiro a Setembro de 2021, a venda de vinhos tranquilos no mercado português caiu ligeiramente – 2,5% em volume (180 milhões de litros) e 5,1% em valor (562 milhões de euros) -, com o preço médio a descer 2,7%, face ao período homólogo. Estas quebras deveram-se sobretudo a dois fatores: aos confinamentos durante o início do ano, que levaram a restrições severas na restauração e ao decréscimo do sector do turismo.

Enoturismo, uma aposta de futuro

Este ano, a edição do Fórum Anual dos Vinhos de Portugal, realizado em Santarém, teve em destaque o Enoturismo, um tema em que se falou da valorização dos territórios vinhateiros, do papel da gastronomia portuguesa aliado ao vinho e ao turismo local e nacional enquanto elementos relevantes para acrescentarem valor à atividade turística e, em simultâneo, para reafirmarem o vinho de Portugal enquanto um produto de excelência, erguendo o mercado nacional e fortificando as exportações de Portugal.

vinha - vinho -fórum - ivv - viniportugal

ViniPortugal, 25 anos a cuidar dos ‘Wines of Portugal’

No ano em que a entidade responsável pelo desenvolvimento e execução de estratégias e planos de promoção dos Vinhos de Portugal em mercados internacionais assinala o seu 25º aniversário, isto é, na prática duas décadas e meia em que a entidade promoveu a imagem de Portugal no sector através da marca ‘Wines of Portugal’,  a ViniPortugal divulgou ainda os seus Planos de Marketing e Promoção para 2022.

videira - vinha - vinho - douro - dinismakesphotos

1ª Página. Clique aqui e veja tudo o que temos para lhe oferecer.vila nova online - 1ª página - finanças - europa - prr - joão leão - primeiro pagamento

Ferreira, Sandeman e Offley: vinhos do Porto Vintage 2018

Barca-Velha 2011 chega ao mercado dez anos depois

Imagens: 0, 2) Dinis Makes Photos, 1) ViniPortugal 

VILA NOVA, o seu diário digital. Conte connosco, nós contamos consigo.

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

VILA NOVA é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a VILA NOVA é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a VILA NOVA tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a VILA NOVA pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de mbway, netbanking, multibanco ou paypal.

MBWay: 919983484

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Paypal: pedrocosta@vilanovaonline.pt

Obs: envie-nos os seus dados e na volta do correio receberá o respetivo recibo para efeitos fiscais ou outros.

Gratos pela sua colaboração.

CCDR-NORTE quer maior participação e autonomia nos fundos 2030

O fim dos incentivos à desflorestação ilegal

Dez (ou onze) curiosidades sobre José Saramago

Publicidade | VILA NOVA: deixe aqui a sua Marca

Pub

Categorias: Agricultura, Economia, Vinha

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.