O poder da imaginação desafiará a imaginação do poder em dia Mundial da Criança?

Infância | Vila do Conde desafia crianças a darem largas à criatividade no seu dia

Infância | Vila do Conde desafia crianças a darem largas à criatividade no seu dia

Pub

 

 

“Acordei, dentro de um sonho.
Era Presidente da minha Junta de Freguesia e com os meus poderes fiz magia…” é o desafio lançado aos mais pequenos, nas comemorações do Dia da Criança, numa iniciativa promovida pela Junta de Freguesia de Vila do Conde.

Este passatempo é destinado a todas as crianças com residência na freguesia de Vila do Conde que se encontrem a frequentar o 1.º Ciclo do Ensino Básico, potenciais futuros cidadãos do território. O Regulamento pode ser consultado mediante pedido e respetiva disponibilização através do endereço eletrónico da Junta de Freguesia: geral@jf-viladoconde.pt.

Através da expressão plástica, cada participante poderá idealizar as funções de Presidente da Junta de Freguesia, bem como visionar os feitos que gostaria de concretizar com os seus poderes, transformando o local onde vive na terra dos seus sonhos.

Com um desenho e respetiva pintura, resultado de um exercício de reflexão, pretende-se estimular, junto dos adultos do futuro, princípios basilares do sentido de democracia como a cultura participativa, a natureza crítica, a liberdade e sua expressão (simbolicamente representada nas possibilidades de manifestação e de movimentação numa folha branca) e o conhecimento dos órgãos representativos dos cidadãos, designadamente as responsabilidades dos representantes do poder local.

No final, a Junta de Freguesia de Vila do Conde atribuirá um prémio ao trabalho mais votado: um tablet.

Fonte e Imagem: JFVCD

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver; e não pagou por isso.

Vila Nova é cidadania e serviço público: diário digital generalista de âmbito regional, independente e pluralé gratuito para os leitores. Acreditamos que a informação de qualidade, que ajuda a pensar e a decidir, é um direito de todos numa sociedade que se pretende democrática.

Como deve calcular, a Vila Nova praticamente não tem receitas publicitárias. Mais importante do que isso, não tem o apoio nem depende de nenhum grupo económico ou político.

Você sabe que pode contar connosco. Estamos por isso a pedir aos leitores como você, que têm disponibilidade para o fazer, um pequeno contributo.

A Vila Nova tem custos de funcionamento, entre eles, ainda que de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta e plural.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo – a partir de 1,00 euro – sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, poderá receber publicidade como forma de retribuição.

Se quiser fazer uma assinatura com a periodicidade que entender adequada, programe as suas contribuições. Estabeleça esse compromisso connosco.

Contamos consigo.

*

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Obs: Envie-nos o comprovativo da transferência e o seu número de contribuinte caso pretenda receber o comprovativo de pagamento, para efeitos fiscais.

*

Pub

Categorias: Agenda, Sociedade

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.