Encontro reúne professores e especialistas nacionais em educação

Ensino | Santo Tirso debate desafios da Inclusão no ‘Fórum Educa’

Ensino | Santo Tirso debate desafios da Inclusão no ‘Fórum Educa’

 

Analisar e debater temáticas relevantes para os projetos educativos do concelho de Santo Tirso é o grande objetivo do Fórum Educa que entra, este ano, na quarta edição. Em 14 e 15 de fevereiro, no Centro Cultural Municipal de Vila das Aves e no Agrupamento de Escolas D. Afonso Henriques, a discussão centra-se na “Aprendizagem para todos: os desafios da inclusão”.

São esperados cerca de 200 professores e educadores para a quarta edição do Fórum Educa, realizada em parceria entre o Centro de Formação Sebastião da Gama, o Agrupamento de Escolas D. Afonso Henriques e a própria Câmara Municipal de Santo Tirso.

Aprendizagem para todos: os desafios da inclusão” é o tema em destaque do Fórum Educa, com abertura marcada para as 15h30 de dia 14 de fevereiro, no Centro Cultural Municipal de Vila das Aves. Ao presidente da Câmara, Alberto Costa, juntar-se-ão o Coordenador Cientifico e Pedagógico do Fórum Educa, Eusébio Machado, Graça Carneiro, do Centro de Formação Sebastião da Gama e Severina Fontes, diretora do Agrupamento de Escolas D. Afonso Henriques para a sessão de abertura moderada por Rui Sousa, do mesmo agrupamento.

A tarde ficará ainda marcada por conferências e mesas redondas. Seguir-se-á a conferência “10 teses práticas sobre Educação Inclusiva” por David Rodrigues (Presidente e fundador da Pró-Inclusão / Associação Nacional de Docentes de Educação Especial), um dos mais relevantes especialistas portugueses nesta área de investigação, com um período de debate orientado por Virgínia Varandas, na qualidade de moderadora, do Agrupamentode Escolas de Campo. Em seguida acontece “A voz dos alunos”, marcada para as 17h30 contará, inclusive com a participação do ator e diretor artístico do Teatro do Bolhão, António Capelo.

À noite, nova conferência, desta feita subordinada ao tema “Vozes na inclusão: redundâncias, continuidades e ruturas“, proferida por Marisa Simões Carvalho, da Universidade Católica Portuguesa, Roberto Lopes, como moderador, do Agrupamento de Escolas D. Afonso Henriques.

No dia seguinte, 15 de fevereiro, uma mesa-redonda moderada por José Queijo Barbosa, do Agrupamento de Escolas de São Martinho, dará voz às escolas tirsenses uma vez que o tema será “Projetos das Escolas e Agrupamentos de Santo Tirso“.

A flexibilização curricular estará também em debate na última conferência, a ser proferida por Ariana Cosme sob o título “Escola, organização, autonomia: como flexibilizamos?” e cujo moderador é Carlos Frutuosa, da Escola Profissional Agrícola Conde de S. Bento.

Ao longo de dois dias, o Fórum incluirá, também, oficinas paralelas com capacidade até 25 formandos e que abrangem temas como a musicoterapia enquanto estratégia de inclusão, o desenvolvimento de projetos de robótica, a proteção de dados e a cibersegurança ou o desenvolvimento de estratégias metodológicas de ensino artístico.

A sessão de encerramento acontece dia 15, na Escola Básica de S. Tomé de Negrelos.

Programa

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais se podem referir, de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, o seu contributo pode também ter a forma de publicidade.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Categories: Agenda, Sociedade

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.