Obra maior do compositor francês dada a escutar pela Orquestra Sinfónica do Porto da Casa da Música sob direção de Stefan Blunier

‘Turangalîla’ de Messiaen na Casa da Música

‘Turangalîla’ de Messiaen na Casa da Música

Pub

 

 

A Turangalîla de Messiaen vai ser dada a ouvir pela Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, sob a direção artística de Stefan Blunier. A Sinfonia Turangalîla é uma das obras-primas maiores da história da música. O concerto, absolutamente imperdível, em especial pelos fans do compositor – mas não só -, acontece no próximo dia 22 de janeiro, sábado, pelas 18h00, na Casa da Música do Porto.

“A mais melódica, mais calorosa, mais dinâmica e mais colorida de todas as minhas obras”, assim descreveu Messiaen a sua grandiosa Sinfonia Turangalîla, inspirada na lenda de Tristão e Isolda. E, sem sombra de dúvida, falava verdade; esta é uma das mais magníficas e belas sinfonias de todos os tempos, capaz de ser reescutada uma e outra vez sempre com o mesmo prazer.

O compositor considerou a Sinfonia Turangalîla como uma ‘canção de amor’, tema central e recorrente ao longo da obra. ‘A Sinfonia foi estreada sob a direção de Leonard Bernstein e’, segundo refere a Casa da Música, ‘tem na utilização do piano um carácter concertante’. Esta Sinfonia é ainda considerada ‘uma das mais inovadoras criações do século XX ao nível do ritmo e do timbre, sendo de destacar uma paleta sonora surpreendente de onde sobressaem múltiplos instrumentos de percussão, a influência do Oriente e as etéreas ondas Martenot parceiras concertantes do piano’ que, neste concerto, terão a interpretação de Steven Osborne e Thomas Bloch, respetivamente.

A designação Turangalîla tem origem no sânscrito e o seu significado aproximado é o de “canção de amor e hino de alegria, do tempo, do movimento, da vida e da morte”, refere Adriano Brandão em Ilha Quadrada, blogue especializado em música clássica. Em resumo, ‘paz e amor’, acrescenta o melómano, foi aquilo que o compositor Olivier Messiaen – também autor de outras obras de eleição como Quatuor pour la Fin du Temps, Catalogue d’ Oiseaux, Vingt Regards sur l’ Enfant Jesus ou Couleurs de la Cité Céleste, entre muitas obras frequentemente com uma elevada componente mística -, quis expressar quando compôs esta que é uma das maiores obras da história da música, a Sinfonia Turangalîla, em 1948. ‘Para grande orquestra, com imenso arsenal de percussão, a Turangalîla, além da mensagem hippie avant la lettre, chama a atenção por ser uma sinfonia de dez movimentos com dois instrumentos solistas: piano e ondas martenot‘, acrescenta-se.

Programa

Olivier MessiaenSinfonia Turangalîla

  1. Introduction
  2. Chant d’amour I
  3. 3. Turangalîla I
  4. Chant d’amour 2
  5. Joie du sang des étoiles
  6. Jardin du sommeil d’amour
  7. Turangalîla 2
  8. Développement de l’amour
  9. Turangalîla 3
  10. Final

Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música

Stefan Blunier direcção musical

Steven Osborne piano

Thomas Bloch ondas Martenot

orquestra sinfónica do porto casa da música

1ª Página. Clique aqui e veja tudo o que temos para lhe oferecer.vila nova online - 1ª página - finanças - europa - prr - joão leão - primeiro pagamento

Imagens: CdM

VILA NOVA, o seu diário digital. Conte connosco, nós contamos consigo.

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

VILA NOVA é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a VILA NOVA é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a VILA NOVA tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a VILA NOVA pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de mbway, netbanking, multibanco ou paypal.

MBWay: 919983484

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Paypal: pedrocosta@vilanovaonline.pt

Obs: envie-nos os seus dados e na volta do correio receberá o respetivo recibo para efeitos fiscais ou outros.

Gratos pela sua colaboração.

Os Português: que português falas tu?

O que é a Sociologia e para que serve o seu ensino?

Publicidade | VILA NOVA: deixe aqui a sua Marca

Pub

Categorias: Agenda, Cultura, Música, Porto

Acerca do Autor

Comente este artigo

Only registered users can comment.