6/6 Vila Nova de Famalicão

Negócios | ‘Contrafação: um negócio em que todos perdemos’ em Dia Mundial Anticontrafação

Negócios | ‘Contrafação: um negócio em que todos perdemos’ em Dia Mundial Anticontrafação

Pub

 

 

O Município de Vila Nova de Famalicão, em parceria com a startup tecnológica Monttra, promove no próximo dia 6 de junho, a partir das 14h30, na Casa do Território, Parque da Devesa, em Vila Nova de Famalicão, uma conferência alusiva ao Dia Mundial Anticontrafação, subordinada ao tema “Contrafação: um negócio em que todos perdemos”.

 

 

Com a conferência “Contrafação: um negócio em que todos perdemos”, pretende-se identificar os impactos da contrafação na economia portuguesa e analisar tendências, bem como as razões da compra de produtos contrafeitos pelos consumidores portugueses. Moderado pelo jornalista e comentador de assuntos económicos na TVI e no ECO, Paulo Ferreira, a conferência contará com a presença do Inspetor Geral da ASAE, Pedro Portugal Gaspar, de Diretor da Direção de Marcas e Patentes do INPI – Instituto Nacional da Propriedade Industrial, André Robalo, e da autora da tese de mestrado “Determinantes da (intenção de) compra de marcas de luxo contrafeitas”, Neuza Silva.

A Monttra é uma plataforma de avançada tecnologia anticontrafação que impede a entrada de items de produtos de marca falsificados na cadeia de distribuição. Entre outras funcionalidades inovadoras, monitoriza o processo de transferência de propriedade garantindo ao produtor o seguimento online de todos os itens produzidos e introduzidos no circuito de distribuição. Promove ainda uma participação ativa dos consumidores.

Programa

Abertura | Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Paulo Cunha

Painel
– Inspetor Geral da ASAE, Pedro Portugal Gaspar
– Diretor da Direção de Marcas e Patentes do INPI – Instituto Nacional da Propriedade Industrial, André Robalo
– Neuza Silva, autora da tese de mestrado “Determinantes da (intenção de) compra de marcas de luxo contrafeitas”
– Empresário local

Moderador: Paulo Ferreira, jornalista e comentador de assuntos económicos na TVI e no ECO. Ex-diretor de informação da RTP.

Apresentação do projeto Monttra (startup tecnológica famalicense)

Encerramento | Secretário de Estado da Defesa do Consumidor, João Torres*
* a aguardar 

As incrições no evento são gratuitas e encontram-se disponíveis no portal Famalicão Made IN, sendo limitadas à capacidade da sala.

Obs: Artigo editado em 30 de maio, 10:40, com inclusão de informação relativa ao programa do evento e mudança de imagem de destaque.

Imagens: (0) Município de Famalicão, (1) Monttra

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais se podem referir, de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de mbway, netbanking ou multibanco.

MBWay: 919983484

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Pub

Categorias: Economia

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.