Vila do Conde

Mobilidade | Vila do Conde passará a dispor de nova rede de transportes intermodal

Mobilidade | Vila do Conde passará a dispor de nova rede de transportes intermodal

Pub

 

 

 

A Câmara Municipal de Vila do Conde, cujo município acaba de comemorar 1066 anos, apresentou às Juntas de Freguesia e Uniões de Freguesias do concelho o novo Sistema de Transportes Coletivos intermodal, aproveitando o momento para auscultar as opiniões dos autarcas e recolher contributos para se proceder a eventuais melhorias à proposta em curso.

 

 

No concelho de Vila do Conde, a nova rede irá duplicar o número de quilómetros percorridos, melhorar os transportes escolares, aumentar a frequência e contemplar a criação de cinco novas linhas, incluindo uma linha shutle na cidade, com acessos às estações de metro, serviços públicos e pontos de interesse, funcionando ao longo de todo o ano.

A nova Rede de Transportes Públicos é um trabalho que está a ser desenvolvido por uma Unidade Técnica Territorial constituída pelos Municípios de Vila do Conde e Póvoa de Varzim, em articulação com a Área Metropolitana do Porto (AMP), no qual se irão também criar três novas linhas que interligam os dois municípios.

Elisa Ferraz, a Presidente da Câmara Municipal de Vila do Conde, acompanhada nesta reunião pelo Executivo Municipal e por técnicos da autarquia, referiu tratar-se de um projeto de mobilidade sustentável com benefícios sociais e ambientais, traduzindo-se na redução de custos para as famílias, melhorando a movimentação dentro do concelho e nos concelhos vizinhos, ao mesmo tempo que promoverá menor uso do automóvel e diminuirá as emissões poluentes.

A Vice-Presidente da Câmara, Lurdes Alves, aproveitou o momento para explicar o funcionamento do novo Passe Único (Passe Andante Metropolitano) e as suas vantagens, referindo que, a partir de maio, se prevê a aplicação progressiva a todos os operadores de transportes públicos nos 17 municípios da AMP. Com este sistema intermodal, será possível circular por toda a AMP com um único passe metropolitano pelo valor máximo de 40 euros. Explicou ainda que foi criado um passe municipal com o custo de 30 euros, para viagens dentro do concelho e até três zonas contíguas nos concelhos vizinhos.

A nova Rede de Transportes Rodoviários, desenhada pelos municípios de Vila do Conde e da Póvoa de Varzim, entrará em funcionamento após concurso público promovido pela Área Metropolitana do Porto, de onde sairá uma única transportadora a operar nestes concelhos.

Atualmente, Vila do Conde dispõe de uma rede radial, sobretudo orientada para servir a cidade e baseada, essencialmente, na cobertura do transporte escolar. Pretende-se com as mudanças ora introduzidas passar para uma rede interfreguesias, interconcelhia e metropolitana que melhor sirva os munícipes vilacondenses.

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos associados à sua manutenção e desenvolvimento na rede.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de transferência bancária.

MB Way: 919983404

Netbanking ou Multibanco:

NiB: 0065 0922 00017890002 91
IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91
BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Pub

Categorias: Mais recentes

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.