ACO Shoes | Expansão para Europa de Leste é aposta vencedora

ACO Shoes | Expansão para Europa de Leste é aposta vencedora

A ACO Shoes, empresa especializada na produção de calçado de conforto, de Armindo Costa, anterior presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão,  gerou um volume de negócios consolidado na ordem dos 35 milhões de euros em 2017. Para a obtenção desse resultado, a empresa produziu 1,5 milhões de pares de sapatos ao longo do ano, isto é, mais de 5 mil pares por cada dia útil.

Segundo revelou o próprio, após o encerramento das contas do ano anterior, “as exportações de calçado de conforto para a Rússia e outros países da antiga União Soviética” e Europa de Leste são responsáveis pelo crescimento global de oito por cento da faturação em 2017 da ACO – Fábrica de Calçado, SA.

A ACO foi fundada por Armindo Costa, em 1975, na freguesia de Mogege, concelho de Vila Nova de Famalicão e emprega atualmente 400 pessoas. Para além da unidade principal, o grupo produtor de calçado de conforto inclui duas unidades de apoio, a ECCO Conforto, em Ponte de Lima, e a ICCO, na ilha de S. Vicente, em Cabo Verde, que contam com 150 e 260 trabalhadores, respetivamente.

“Numa época, que foi de crise nos mercados tradicionais, o investimento feito pela ACO nos mercados no leste europeu foi uma aposta ganha. Conseguimos manter as exportações para os mercados tradicionais e conseguimos subir as nossas vendas na Europa de Leste”, reforçou o empresário, mostrando-se “muito satisfeito com os resultados obtidos pela ACO Shoes” no ano que há pouco terminou.

Por seu turno, Fernando Costa, responsável pelo Departamento Comercial internacional, referiu que “a Letónia, a Eslovénia, a República Checa, a Bielorrússia, a Moldávia ou a Lituânia são mercados em crescimento, em que o poder de compra tem aumentado e cujos consumidores começam a valorizar o conforto e a qualidade do calçado produzido pela ACO.”

Para além da Europa, o calçado da ACO pode ser encontrado em grande parte do mundo, pois é vendido atualmente em 35 países de cinco diferentes continentes – Europa, Ásia, África, Oceania e América do Norte.

Embora o mercado internacional seja o seu forte, e dando continuidade ao trabalho permanente de investigação e desenvolvimento que tem vindo a realizar, a ACO tem reservada para 2018 uma aposta em novos produtos de alto valor acrescentado inserida numa estratégia voltada para o mercado nacional, designadamente com a criação de “um calçado mais técnico”.

O início de 2018 está a ser marcado por intensa atividade comercial. Depois de se fazer representar na Expo Riva Schuh -International Shoe Fair, uma das mais importantes feiras de calçado em Itália, a ACO Shoes estará, em breve, presente noutras feiras europeias. Entre 7 e 9 de fevereiro, participará na Nordig Shoe & Bag Fair, em Nacka, na Suécia, e entre 11 e 14 de fevereiro, a empresa famalicense voltará a estar presente em Itália, desta feita em Milão, na Micam Shoevent 2018, naquela que é considerada a maior feira de calçado do mundo.

 

Pub

Categorias: Economia

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Pedro Costa

Diretor e editor.

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.