Apoios financeiros destinam-se a ajudar a manter postos de trabalho atenuando situação de crise

Pandemia | Póvoa de Varzim relembra Incentivo Extraordinário do IEFP à normalização da atividade empresarial

Pandemia | Póvoa de Varzim relembra Incentivo Extraordinário do IEFP à normalização da atividade empresarial

 

 

O Pelouro da Coesão Social da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim acaba de relembrar que o Governo aprovou um conjunto de apoios ao emprego, com destaque para o Incentivo Extraordinário à Normalização da Atividade Empresarial.

Este estímulo consiste num apoio ao empregador, a conceder pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional – IEFP na fase de regresso dos trabalhadores à prestação normal de trabalho e de regularização da atividade empresarial, com o objetivo de apoiar a manutenção dos postos de trabalho, atenuar situações de crise empresarial e reduzir o risco de desemprego dos trabalhadores de entidades empregadoras pela Covid-19.

Podem candidatar-se os empregadores que tenham beneficiado de apoio extraordinário à manutenção de contrato de trabalho ou de um plano extraordinário de formação. O incentivo será, deste modo, atribuído através das seguintes modalidades:

  • no valor de uma retribuição mínima mensal garantida (RMMG) por trabalhador abrangido pelo apoio extraordinário à manutenção de contrato de trabalho ou pelo plano extraordinário de formação, pago de uma só vez;
  • no valor de duas RMMG por trabalhador abrangido pelo apoio extraordinário à manutenção de contrato de trabalho ou pelo plano extraordinário de formação, pago de forma faseada ao longo de seis meses.

Até à presente data, o Serviço de Emprego da Póvoa de Varzim/Vila do Conde já registou um número significativo de candidaturas, o que revela o dinamismo da economia do concelho. Abertas desde o dia 4 de agosto, as candidaturas não têm data prevista de encerramento.

Para mais informações ou esclarecimento de dúvidas deve contactar o IEFP, através do seu portal oficial, por via email (iefp.info@iefp.pt) ou pelo número de telefone 215 803 555 (dias úteis das 8h às 20h).

 

Fonte: Município da Póvoa de Varzim; Imagem: Cleyder Duque/Pexels

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver; e não pagou por isso.

Vila Nova é cidadania e serviço público: diário digital generalista de âmbito regional, independente e pluralé gratuito para os leitores. Acreditamos que a informação de qualidade, que ajuda a pensar e a decidir, é um direito de todos numa sociedade que se pretende democrática.

Como deve calcular, a Vila Nova praticamente não tem receitas publicitárias. Mais importante do que isso, não tem o apoio nem depende de nenhum grupo económico ou político.

Você sabe que pode contar connosco. Estamos por isso a pedir aos leitores como você, que têm disponibilidade para o fazer, um pequeno contributo.

A Vila Nova tem custos de funcionamento, entre eles, ainda que de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta e plural.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo – a partir de 1,00 euro – sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, poderá receber publicidade como forma de retribuição.

Se quiser fazer uma assinatura com a periodicidade que entender adequada, programe as suas contribuições. Estabeleça esse compromisso connosco.

Contamos consigo.

*

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Obs: Envie-nos o comprovativo da transferência e o seu número de contribuinte caso pretenda receber o comprovativo de pagamento, para efeitos fiscais.

*

Categories: Sociedade

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.