Encontro é o primeiro do ciclo de auscultações ‘Braga Pós-Covid’

Pandemia | Federação de Braga da Juventude Socialista reúne com com direção do Instituto e Formação Profissional

Pandemia | Federação de Braga da Juventude Socialista reúne com com direção do Instituto e Formação Profissional

Pub

 

 

A Federação Distrital de Braga da Juventude Socialista presidida por Nelson Felgueiras, iniciou um ciclo de reuniões de trabalho com as entidades públicas do Distrito de Braga. O nome deste ciclo de iniciativas: “Braga Pós-Covid” surge com o objectivo de avaliar o impacto que a atual pandemia está a ter no Distrito.

A entidade escolhida para iniciar este roteiro foi o Instituto de Emprego e Formação Profissional de Braga. A Direção do IEFP esteve representada por Cláudia Serapicos, atual diretora do Centro de Emprego e Formação Profissional de Braga, da Delegação Regional do Norte, nesta reunião que decorreu no auditório da Federação de Braga do PS.

Os jovens socialistas reuniram com a direção do IEFP esta terça-feira, 9 de junho, na sede da Federação Distrital. “A urgência de avaliar o impacto da pandemia Covid-19 junto das empresas revelou-se fundamental para a JS Braga. Estamos muito preocupados com o aumento do desemprego nos mais jovens e nos trabalhadores com trabalhos precários. Não podemos esquecer que houve grandes progressos ao nível da consolidação do emprego nos últimos anos, mas sabemos que quem sofre primeiros são os jovens, os precários e os indiferenciados”, aponta Nelson Felgueiras.

“Ainda assim, há alguns dados animadores e que devemos enaltecer, sobretudo ao nível da formação profissional, que está a adaptar-se à nova realidade e será reforçada no futuro, assim como os programas de formação contínua das empresas. Ficamos agradados também com o facto de cada vez mais empresas estarem a solicitar a antecipação do fim do lay-off”, defende o presidente dos jovens socialistas do distrito.

“É urgente que o Governo olhe para os jovens com particular cuidado. Muito dos jovens preparam-se para enfrentar uma segunda crise no espaço de [poucos] anos. Muito dos jovens do nosso distrito conseguiram emancipar-se com compra de casa e hoje vêm o seu futuro em risco pelas incertezas que estes tempos acarretam. Ninguém pode fazer futurismo em relação à crise que se avizinha, mas podemos desde já a começar a proteger os mais jovens e aqueles que mais sofrem”, remata Nelson Felgueiras.

Fonte e Imagens: JS

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver; e não pagou por isso.

Vila Nova é cidadania e serviço público: diário digital generalista de âmbito regional, independente e pluralé gratuito para os leitores. Acreditamos que a informação de qualidade, que ajuda a pensar e a decidir, é um direito de todos numa sociedade que se pretende democrática.

Como deve calcular, a Vila Nova praticamente não tem receitas publicitárias. Mais importante do que isso, não tem o apoio nem depende de nenhum grupo económico ou político.

Você sabe que pode contar connosco. Estamos por isso a pedir aos leitores como você, que têm disponibilidade para o fazer, um pequeno contributo.

A Vila Nova tem custos de funcionamento, entre eles, ainda que de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta e plural.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo – a partir de 1,00 euro – sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, poderá receber publicidade como forma de retribuição.

Se quiser fazer uma assinatura com a periodicidade que entender adequada, programe as suas contribuições. Estabeleça esse compromisso connosco.

Contamos consigo.

*

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Obs: Envie-nos o comprovativo da transferência e o seu número de contribuinte caso pretenda receber o comprovativo de pagamento, para efeitos fiscais.

*

Pub

Categorias: Publicidade

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.