Município antecipa apoios e subsídios à cultura

Pandemia | Famalicão apoia associações culturais e artistas locais

Pandemia | Famalicão apoia associações culturais e artistas locais

Pub

 

 

Famalicão está a reforçar o apoio às associações culturais do concelho e artistas locais, através da atribuição antecipada de apoios e subsídios referentes à implementação dos planos de atividades anuais ou desenvolvimento de projetos.

As medidas têm sido levadas à apreciação do executivo municipal e já abrangeram várias instituições culturais do concelho.

Neste momento, a autarquia famalicense já transferiu cerca de 420 mil euros para os parceiros culturais locais. A somar a este valor, o Município de Famalicão tem apoiado ainda financeiramente os artistas, grupos de música e companhias de teatro, que têm proporcionado online (através das redes sociais) diversos espetáculos ligados à dança, teatro, poesia e literatura e oficinas temáticas. Neste âmbito, a autarquia investiu cerca de 14 mil euros.

“Com a pandemia da Covid-19, as associações culturais e os artistas foram os primeiros a parar e a fechar portas. Foram obrigados e interromper todo o seu trabalho. Apesar de tudo, não baixaram os braços e deram o exemplo à comunidade, continuaram em casa a criar e a oferecer-nos a sua arte”, adianta o presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, explicando que “a arte e a cultura foram fundamentais durante o período de confinamento pois ajudaram as pessoas a não se sentirem sozinhas, a terem companhia, a divertirem-se e a continuarem ligadas à cultura”.

Por outro lado, o autarca refere a importância deste apoio do município para a continuidade de muitas instituições e artistas. “Precisamos da cultura e das artes na nossa vida e temos que os apoiar neste momento difícil. Temos que estar a seu lado, para que mais tarde possamos continuar a ter arte e cultura nas nossas vidas”.

Durante o período de confinamento, foram promovidos através da página de facebook “Famalicão Comunitário” cerca de 60 eventos culturais, que atingiram mais de 70 mil visualizações. Apesar da área predominante ser a música, também decorreram espetáculos de dança, teatro, poesia e literatura, e oficinas temáticas. Foi também apresentada a web-série ‘Diários de uma Quarentena‘, em oito episídos que continua disponível para visualização.

 

Fonte e Imagem: Município de Famalicão

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver; e não pagou por isso.

Vila Nova é cidadania e serviço público: diário digital generalista de âmbito regional, independente e pluralé gratuito para os leitores. Acreditamos que a informação de qualidade, que ajuda a pensar e a decidir, é um direito de todos numa sociedade que se pretende democrática.

Como deve calcular, a Vila Nova praticamente não tem receitas publicitárias. Mais importante do que isso, não tem o apoio nem depende de nenhum grupo económico ou político.

Você sabe que pode contar connosco. Estamos por isso a pedir aos leitores como você, que têm disponibilidade para o fazer, um pequeno contributo.

A Vila Nova tem custos de funcionamento, entre eles, ainda que de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta e plural.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo – a partir de 1,00 euro – sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, poderá receber publicidade como forma de retribuição.

Se quiser fazer uma assinatura com a periodicidade que entender adequada, programe as suas contribuições. Estabeleça esse compromisso connosco.

Contamos consigo.

*

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Obs: Envie-nos o comprovativo da transferência e o seu número de contribuinte caso pretenda receber o comprovativo de pagamento, para efeitos fiscais.

*

Pub

Categorias: Cultura, Sociedade

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.