Guimarães

Negócios | ‘A Mercearia do Zé’ abre as portas em Creixomil

Negócios | ‘A Mercearia do Zé’ abre as portas em Creixomil

Pub

 

 

No passado sábado, 6 de abril, Carla Lemos, frequentadora do Programa de Incubação da Incubadora de Base Rural do Município de Guimarães, abriu o seu novo negócio – “A Mercearia do Zé” -, em Creixomil, que se destina à comercialização de Produtos Biológicos Certificados e Produtos Regionais.

 

 

Com especial preferência, Carla Lemos escolheu disponibilizar um conjunto de produtos oriundos de pequenos produtores, tais como conservas, queijos, charcutaria, azeites, vinhos, passando pelo mel, compotas, hortícolas, fruta, bolachas, doces conventuais, produtos este de tipo regional e/ou de origem biológica. Para acompanhar, “A Mercearia do Zé” oferece ainda pão fresco artesanal quase todos os dias, bem como broa da região.

​N’ “A Mercearia do Zé“, o artesanato não foi esquecido e a região do Minho estará bem representada no estabelecimento, desde as famosas rendas de bilros de Vila do Conde aos bordados e olaria de Guimarães.

Nesta loja com sabor a tradição e proximidade, escolhem-se os produtos diretamente das prateleiras, para se ser servido à mesa ou então aproveitam-se as sugestões. E depois de provar na Mercearia, decide-se melhor o que levar para casa ou o que oferecer.

N’ “A Mercearia do Zé”, Carla Lemos espera receber não apenas os amigos, mas também os vizinhos e os vimaranenses, em geral, bem como os turistas.

A inauguração do espaço, em Creixomil, no passado sábado, decorreu em ambiente de festa. A abertura contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Domingos Bragança, e da Vereadora do Ambiente, Sofia Ferreira, que não deixaram de marcar presença na abertura do espaço resultante de um programa em que a autarquia tem apostado em força, a Incubadora de Base Rural de Guimarães.

Boas práticas ambientais na produção e no consumo

No seguimento de uma política ambientalmente sustentável prosseguida pelo Município de Guimarães, Domingos Bragança salientou que “é muito na alimentação que fazemos a diferença pela proteção ambiental e a boa gestão dos recursos naturais”. Destacaria ainda este novo espaço como “um exemplo que gostava de ver replicado com uma boa prática municipal”, aproveitando para enaltecer o programa da Incubadora de Base Rural. Domingos Bragança referiu ainda que “é na agricultura que se iniciam as boas práticas ambientais e se afirma a nossa consciência ecológica; como consumidores, iniciamo-las com as escolhas que fazemos por uma alimentação saudável, mais vegetal, de produtos produzidos em agricultura biológica, não predadora, nem poluente dos recursos naturais e diminuidora da nossa pegada ecológica.”

“A Mercearia do Zé” é, por isso, um exemplo de empreendedorismo e iniciativa empresarial que acrescenta inovação ao comércio tradicional de Guimarães e que nasceu com o apoio da Incubadora de Base Rural de Guimarães. A Incubadora de Base Rural é um programa de apoio ao nascimento e crescimento de empresas, especialmente dedicado a iniciativas de base rural, como sejam a agricultura, a agroindústria, a silvicultura ou outros serviços e tecnologias de suporte.

Com este projeto, pela primeira vez, o Município de Guimarães capitaliza o potencial agrícola e florestal do concelho e, simultaneamente, promove o crescimento económico, o desenvolvimento empresarial, a inclusão social, a sustentabilidade ambiental e o bom uso do solo.

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos associados à sua manutenção e desenvolvimento na rede. Só o conseguiremos fazer com capacidade financeira.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo.

MBWay: 919983484

Multibanco ou Netbanking:

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Pub

Categorias: Política, Sociedade

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.