UM-Cidades | Braga eleito Município do Ano – Região Norte pelo projeto School Bus

UM-Cidades | Braga eleito Município do Ano – Região Norte pelo projeto School Bus

Pub

 

 

 

 

O Município de Braga foi distinguido ontem, dia 16 de Novembro, com o prémio ´Município do Ano 2018´, na categoria Região Norte, concurso que visa reconhecer as boas práticas de projetos implementados pelos municípios com impacto no território, na economia e na sociedade, promovendo o crescimento, a inclusão e a sustentabilidade, mas também colocar na agenda a temática da territorialização do desenvolvimento, perspetivada a partir da ação das autarquias, bem como valorizar realidades diversas que incluam as cidades e os territórios de baixa densidade nas diferentes regiões do país. O galardão reconheceu a mais-valia representada pelo projeto School Bus. A iniciativa teve lugar no Paço dos Duques, em Guimarães.

 

 

Cerca de 400 alunos já aderiram ao ‘School Bus’, um projeto desenvolvido pelo Município de Braga para reduzir o congestionamento automóvel no perímetro das escolas da malha urbana da cidade. O projeto foi implementado de forma permanente no início deste ano letivo, contribuindo para o alívio do fluxo de trânsito junto de seis escolas do centro de Braga. “É um motivo de orgulho e satisfação ver o nosso trabalho reconhecido. Trata-se de um projeto que já está a marcar diferença pelo impacto no nosso território e na cultura que está a instigar nos mais jovens de utilização dos transportes públicos”.

O Concurso ‘Municípios do Ano Portugal 2018’ é uma iniciativa promovida pela Universidade do Minho, através da sua plataforma UM-Cidades, que visa reconhecer as boas práticas de projectos implementados pelos Municípios com impacto no território, na economia e na sociedade, promovendo o crescimento, a inclusão e a sustentabilidade.

Pretende também colocar na agenda a temática da territorialização do desenvolvimento, perspectivada a partir da acção das autarquias, bem como valorizar realidades diversas que incluam as cidades e os territórios de baixa densidade nas diferentes regiões do país.

O vencedor do galardão ´Município do Ano ´foi Arouca (Geo Parque Mundial da UNESCO). Relembre-se que a iniciativa foi ganha em 2014 pelo município de Lisboa (“Há Vida na Mouraria”), em 2015 por Vila do Bispo (“Festival de Observação de Aves & Actividades de Natureza”), em 2016 pelo Fundão (“Academias de Código”) e em 2017 por Guimarães (“Pay-as-You-Throw no Centro Histórico de Guimarães”).

 

Fontes: Município de Braga e Município de Guimarães

 

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver. 

A Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será. 

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais se podem referir, de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

 

Pub

Categorias: Política, Sociedade

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.