Mais segurança, conforto e sutentabilidade

Ensino | EB2,3 de S. Torcato em Guimarães vê projeto de arquitetura concluído e divulgado

Ensino | EB2,3 de S. Torcato em Guimarães vê projeto de arquitetura concluído e divulgado

Pub

 

 

O projeto de reabilitação e requalificação da EB2,3 de São Torcato, em Guimarães, está concluído e apresentado à comunidade docente, associação de pais e autarcas de juntas de freguesia da área de influência da escola.

Este novo projeto de requalificação insere-se numa campanha mais vasta que o município vimaranense tem vindo a desenvolver, em articulação com o Ministério da Educação, no sentido de apetrechar as escolas com melhores condições e no âmbito da qual, a título de exemplo, em 2019, as Caldas das Taipas viram a sua escola básica requalificada e, pouco depois, premiada pela excelência do trabalho realizado.

Depois de várias reuniões entre a Câmara Municipal de Guimarães, a Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares (DGEstE) e a direção da própria Escola, o ansiado projeto de reabilitação e requalificação da EB2,3 de São Torcato está finalmente concluído. Domingos Bragança, o presidente do Município de Guimarães, pretende que “o início desta obra aconteça o quanto antes, depois de ultrapassadas questões processuais como a aprovação do projeto e o lançamento do concurso para a obra”.

A apresentação do projeto de arquitetura decorreu esta quarta-feira numa sessão com os representantes do corpo docente, da direção da escola, da associação de pais e autarcas das juntas de freguesia da área de influência da escola, assim como da Vereadora da Educação, Adelina Pinto e do arquiteto responsável pelo projeto, Filipe Vilas Boas do gabinete de arquitetura Outras Formas, para lá do próprio Domingos Bragança.

Mais segurança, conforto e sustentabilidade

O projeto apresentado visa a reabilitação, reorganização funcional e ampliação da escola EB2,3 São Torcato, de modo a proporcionar melhores condições de utilização ao nível de conforto, segurança, tornando o edifício mais sustentável, através das energias renováveis, reduzindo os seus gastos e consumos, quer ao nível de utilização quer ao nível de manutenção.

Domingos Bragança destacou que o mais importante é garantir a “comodidade, segurança e conforto térmico” do edifício, no sentido de proporcionar as melhores condições para os alunos e a comunidade escolar, através de uma profunda reformulação. “O projeto foi muito elogiado nesta reunião de apresentação. Propõe também uma boa solução estética e funcional da cobertura parcial do átrio da Escola e das áreas exteriores de Jardins e de aparcamento e da entrada principal. Estamos todos interessados em que esta obra avance o quanto antes, depois de alguns atrasos devido à situação de pandemia. Vamos fazer todos os possíveis para que esta obra tenha início, este ano, o mais breve possível”, salientou o Presidente da Câmara Municipal de Guimarães.

Imagens: M GMR

**

*

VILA NOVA, o seu diário digital

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco (preferencial), mbway ou paypal.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

MBWay: 919983484

*

Obs: envie-nos os deus dados e na volta do correio receberá o respetivo recibo para efeitos fiscais ou outros.

*

Gratos pela sua colaboração.

*

Pub

Categorias: Local, Sociedade

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.