Na quadra natalícia, autarquia e ACICE acordaram distribuição de vales de compras a famílias carenciadas

Esposende renova apoios excecionais a empresas em 2021

Esposende renova apoios excecionais a empresas em 2021

Pub

 

 

Ciente das repercussões económicas e sociais resultantes da pandemia Covid-19, Esposende renovou apoios a empresas em 2021, na última Reunião de Câmara, no sentido de ajudar a minimizar o impacto dessas dificuldades. Por outro lado, o Município garantiu, neste final de ano, um apoio excecional às famílias mais carenciadas do concelho.

Assim, em matéria destes apoios financeiros, o Município deliberou manter, em 2021, a isenção do pagamento das taxas relativas à instalação, devidamente licenciada, de esplanadas e publicidade. Em causa está uma perda de receita na ordem dos 150 mil euros, lembra o Presidente Benjamim Pereira, notando, contudo, que “os setores do turismo e da restauração são dos mais prejudicados, pela brutal redução das suas atividades, em função da diminuição de turistas e visitantes e por força da imposição das novas regras de funcionamento”. Por esta via, o Município contribui para minorar o impacto da pandemia nas atividades económicas, particularmente, daquelas que necessitam de ocupar o espaço público, ressalva o autarca.

Na mesma linha, a Câmara Municipal entendeu alargar, até setembro de 2021, as medidas excecionais no apoio à atividade económica, nomeadamente, através da autorização especial de algumas ocupações de espaço público, sendo que, atendendo à evolução da situação pandémica, este prazo pode vir a ser prorrogado por sucessivos períodos de 30 dias.

Medidas excecionalmente aplicadas na época natalícia

No contexto da quadra natalícia, Esposende entendeu reforçar, por um lado, os apoios às famílias mais carenciadas do concelho e, por outro, prestar também apoio ao comércio tradicional local, o qual tem, este ano, inúmeras restrições ao funcionamento.

Assim, entre outros apoios e incentivos, a autarquia decidiu, de acordo com proposta aprovada, por unanimidade, em reunião do executivo, disponibilizar uma verba de 5.970,00 euros para atribuição de vales de compra aos agregados familiares carenciados. Trata-se de vales no valor unitário de 15,00 euros, a serem entregues a cada uma das 398 pessoas que constituem atualmente os agregados familiares identificados no contexto do apoio alimentar da Loja Social e do Programa Operacional de Apoio às Pessoas Mais Carenciadas (PO APMC).

Este montante será transferido para a ACICE – Associação Comercial e Industrial do Concelho de Esposende, que ressarcirá os comerciantes aderentes à iniciativa e que apresentarem os vales compra entregues/gastos nos seus estabelecimentos. Caso não seja descontada a totalidade dos vales oferecidos, a ACICE devolverá à Câmara Municipal o valor não reivindicado.

Benjamim Pereira, o presidente da Câmara Municipal, clarifica que esta verba é correspondente aos encargos com o jantar de natal dos colaboradores do Município, que, por força das contingências e restrições impostas pela pandemia, não se pôde realizar. “Por um lado, damos a quem mais precisa e, por outro, apoiamos e estimulamos o comércio local que tanto precisa de ajuda”, refere o autarca. “Se esta época do ano aponta para um sentimento de solidariedade e para uma mais generalizada atenção às questões de ordem social, vivemos também um período singular no que diz respeito às muitas limitações com que vivemos esta quadra”.

Moda | Lenços de Namorados de Vila Verde continuam a inspirar Concurso Internacional de Criadores de Moda

**

*

VILA NOVA, o seu diário digital

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco (preferencial), mbway ou paypal.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

MBWay: 919983484

Paypal: pedrocosta@vilanovaonline.pt

*

Obs: envie-nos os deus dados e na volta do correio receberá o respetivo recibo para efeitos fiscais ou outros.

*

Gratos pela sua colaboração.

*

Pub

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.