Ferramenta educativa disponibiliza conteúdos curriculares, mas também de interesse mais geral

Educação | Esposende abre uma ‘Janela para o mundo’

Educação | Esposende abre uma ‘Janela para o mundo’

Pub

 

 

Esposende tem vindo a desencadear diversas ações conducentes à prevenção e controlo da Covid-19, apoiando, nas diversas vertentes, os munícipes neste estado de confinamento. Entre estas, ganha destaque a disponibilização de uma nova ferramenta de conteúdos educativos agregados no portal Esposende Educa. Dirigida a todos os públicos, desde a comunidade escolar à comunidade em geral, pretende-se que, tal como a página se denomina, se constitua como uma autêntica “janela para o mundo”.

Nesta nova página do Município de Esposende, alunos e professores poderão ter acesso a inúmeros conteúdos curriculares e ferramentas de apoio ao ensino à distância. Produzidos pelos profissionais de educação e ensino do Município de Esposende e por entidades externas (nomeadamente o Ministério da Educação, mas também entidades privadas).

Ferramenta de interesse para toda a comunidade

Os conteúdos e atividades disponibilizados podem ser úteis também ao público em geral, com particular interesse em matérias desenvolvidas localmente, numa rubrica denominada “De Esposende para o Mundo“.

Para o público escolar, a “Janela para o mundo” será um espaço privilegiado para a partilha de conteúdos e atividades que têm vindo a ser produzidos pelos programas e serviços municipais, ao longo do tempo, e que tanto têm contribuído para o processo educativo de milhares de crianças e jovens.

Menus apelativos

O portal educativo encontra-se dividido, por ora, em dois menus: (Re)Cria, faz e aprende e Porta de embarque.

Assim, o menu (Re)Cria, faz e aprende disponibiliza inúmeros conteúdos curriculares e ferramentas de apoio ao ensino à distância, quer produzidos por entidades externas, quer concebidos pelos nossos profissionais de educação e ensino locais. É ainda um espaço privilegiado para a partilha de conteúdos e atividades produzidos pelos programas, serviços e empresas municipais.

Por outro lado, o menu Porta de embarque encontramos muitos outros conteúdos, para o público em geral, destacando-se os produzidos localmente. Para além disso, e em particular numa fase de maior confinamento social, apresentam-se diversas sugestões de consulta, nas áreas da leitura, artes do espetáculo, museus e galerias de arte, cinema, programas e documentários televisivos, entre outros.

Numa fase de maior confinamento social, esta “Janela para o mundo” disponibilizará, em forma de sugestão de consulta, uma série de links de acesso a conteúdos online das áreas da leitura, artes do espetáculo, museus e galerias de arte, cinema, programas e documentários televisivos, entre outros.

Envolver a comunidade

Trata-se de um processo dinâmico, no qual a autarquia deseja contar com o contributo de todos, no sentido de ir ao encontro das expectativas e necessidades da comunidade. Lançando este projeto no dia 25 de Abril, esta é, também, uma forma de o Município de Esposende assinalar Abril, alargando o acesso à informação e a bens fundamentais como são os da Educação e da Cultura, com as múltiplas dimensões que lhes estão subjacentes.

Na sua página oficial, Benjamim Pereira, o edil de Esposende, salienta este facto. “Quisemos lançá-la em pleno Dia da Liberdade, atendendo à abrangência que tem, porque nos permite a “liberdade” de vaguear pelos meandros das artes e da cultura, num momento em que estamos, de uma certa forma, limitados nessa mesma liberdade. Esta página apresenta ainda a rubrica “Especial VIVER ABRIL”.

Fontes: Município de Esposende, Benjamim Pereira; Imagens: Município de Esposende

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver; e não pagou por isso.

Vila Nova é cidadania e serviço público: diário digital generalista de âmbito regional, independente e pluralé gratuito para os leitores. Acreditamos que a informação de qualidade, que ajuda a pensar e a decidir, é um direito de todos numa sociedade que se pretende democrática.

Como deve calcular, a Vila Nova praticamente não tem receitas publicitárias. Mais importante do que isso, não tem o apoio nem depende de nenhum grupo económico ou político.

Você sabe que pode contar connosco. Estamos por isso a pedir aos leitores como você, que têm disponibilidade para o fazer, um pequeno contributo.

A Vila Nova tem custos de funcionamento, entre eles, ainda que de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta e plural.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo – a partir de 1,00 euro – sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, poderá receber publicidade como forma de retribuição.

Se quiser fazer uma assinatura com a periodicidade que entender adequada, programe as suas contribuições. Estabeleça esse compromisso connosco.

Contamos consigo.

*

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Obs: Envie-nos o comprovativo da transferência e o seu número de contribuinte caso pretenda receber o comprovativo de pagamento, para efeitos fiscais ou outros.

*

Pub

Categories: Sociedade

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.