PS Braga | Artur Feio demite-se da Concelhia e provoca novo ato eleitoral

PS Braga | Artur Feio demite-se da Concelhia e provoca novo ato eleitoral

Pub

 

 

 

O Presidente da Comissão Política Concelhia de Braga do Partido Socialista, Artur Feio, também vereador da Câmara Municipal de Braga, renunciou ao cargo para que tinha sido eleito há cerca de um ano, decisão transmitida à Comissão Política Concelhia, no decurso de uma reunião convocada com carácter de urgência e realizada ontem, 5 de janeiro.

 

 

As desavenças e desentendimentos entre membros da Comissão Política da Concelhia de Braga do Partido eram públicas apesar de terem ocorrido eleições para a mesma há cerca de 1 ano, eleições essas ganhas pelo próprio com folgada maioria absoluta de cerca de 70%. A este propósito, a RTP recorda que o agora presidente demissionário foi eleito para o cargo em Janeiro de 2018 em ato eleitoral contestado, na altura, pela lista opositora liderada por Jorge Faria que se manifestou contra o facto de a lista de Artur Feio ter ido a eleições violando o regulamento do PS que institui como obrigatória a entrega de uma moção política. Esta moção, segundo a lista de Jorge Faria, viria a ser entregue fora do prazo.

Entretanto, “em solidariedade com Artur Feio, apresentaram também a renúncia todos os elementos do Secretariado da Secção, bem como a esmagadora maioria dos membros (efetivos e suplentes) da Comissão Política que integraram a sua lista”.

Ontem mesmo, O Minho adiantara ainda antes da reunião do órgão concelhio socialista que tal demissão deveria acontecer, antecipando-se a uma decisão da Comissão de Jurisdição Nacional do partido, que poderá considerar ilegal a lista liderou por Artur Feio nas eleições internas de janeiro transato. Assim sendo, Jorge Faria, que perdeu as eleições para Feio, assumirá a direção da Concelhia socialista.

Ainda de acordo com este diário, há quem internamente considere que se suspeita que Feio tente criar uma comissão administrativa para gerir o partido nos próximos meses, a qual seria controlada por elementos que lhe são afetos. o que “é mais um erro grave que corresponde a uma distorção do que devem ser os princípios democráticos do PS”.

Entetanto, o PS Braga considera que “para além de ficar inequivocamente demonstrado não existir qualquer apego ao poder, a realização de novas eleições constituirá, também, na perspetiva dos dirigentes agora demissionários, um importante momento de clarificação e de renovação da legitimidade democrática da estrutura dirigente local”.

Apesar da demissão da Concelhia socialista de Braga, Artur Feio continuará a integrar a equipa de vereadores no Município de Braga, juntamente com Miguel Corais e Liliana Pereira, mantendo intacta “a convicção de que o Partido Socialista continua a ser a força política com mais capacidade para preparar o Concelho para os difíceis desafios que se colocam no presente e para o futuro”.

Nesse sentido, aponta a Concelhia do PS Braga ser imprescindível reforçar “a mobilização do PS-Braga, tendo em vista a sua afirmação como alternativa à desastrosa governação do Município”, o que passará, também,” pela clarificação e pacificação interna do partido, pois só dessa forma os socialistas conseguirão responder a todos os desafios que o ano que agora começou traz no horizonte, nomeadamente dois atos eleitorais de enorme importância para o País e dos quais o Partido Socialista almeja sair vitorioso”.

 

Fontes: PS Braga, RTP, O Minho

Imagem: PS Braga

 

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos associados à sua manutenção e desenvolvimento na rede.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de transferência bancária.

MB Way: 919983404

Netbanking ou Multibanco:

NiB: 0065 0922 00017890002 91
IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91
BIC/SWIFT: BESZ PT PL

 

Pub

Categorias: Política

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.