Barcelos

OE 2019 | AR aprova proposta do Bloco para iniciar os procedimentos para a construção do novo hospital

OE 2019 | AR aprova proposta do Bloco para iniciar os procedimentos para a construção do novo hospital

 

 

 

A Comissão Concelhia do Bloco de Esquerda de Barcelos congratula-se com a deliberação da Assembleia da República, sob proposta do partido, de “incluir no Orçamento de Esatdo 2019 o inicio dos procedimentos para a construção do novo hospital. Esta decisão compromete o atual governo no sentido de, no próximo ano, despoletar todo o processo que efetive esta justa reivindicação e velho anseio da população”.

 

 

O Bloco de Esquerda – Barcelos destaca que na reunião da Comissão de Orçamento e Finanças, que ontem se prolongou até à noite com votações na especialidade, “foi aprovada a proposta de alteração ao OE 2019 apresentada pelo Bloco para o início dos procedimentos para a construção do novo Hospital de Barcelos”, necessidade há muitos anos identificada e considerada essencial para que as populações de Barcelos e de Esposende, concelho também abrangido pela área de cobertura do Hospital de Santa Maria Maior, num total calculado em cerca de 150 mil potenciais utentes, tenham acesso a cuidados de saúde que, segundo o partido, apresente níveis de qualidade e proximidade exigíveis no Serviço Nacional de Saúde.

A proposta de alteração ao OE 2019 proposta pelo Bloco de Esquerda contemplava, entre outros pontos, “o início os procedimentos com vista à construção dos novos hospitais de Barcelos, da Póvoa de Varzim e do Algarve”, considerados “uma necessidade para as populações e o próprio SNS, para que possa dar uma melhor resposta” e tendo em vista que “o aumento do orçamento do SNS deve refletir-se no aumento de investimento e no aumento de profissionais, de forma a melhorar a qualidade do sistema público de saúde e, consequentemente, melhorar a prestação de cuidados de saúde a toda a população”.

O Bloco de Esquerda e o seu deputado eleito por Braga, Pedro Soares, comprometeram-se a apresentar esta proposta em sede de especialidade no debate sobre o OE 2019 caso o Governo não a incluísse na proposta inicial. “Assim foi, em coerência com a Resolução que anteriormente tinha também já sido apresentada e aprovada na AR e com as suas declarações sobre a matéria, mas sobretudo em coerência com a defesa de uma política de investimento no serviço público e universal de saúde, não era admissível que se continuasse a adiar uma solução para o Hospital de Santa Maria Maior, em Barcelos”.

“A votação da proposta do Bloco”, que só teve o voto contra do PS em Comissão, mas posteriormente, em Plenário, votaria também a favor, “desbloqueia o processo de construção do novo Hospital de Barcelos. Exige-se, agora, uma decidida cooperação entre a Administração Central e a Câmara Municipal de Barcelos, que garantiu disponibilizar o terreno para a construção, de modo a que todos os procedimentos administrativos sejam agilizados e as populações de Barcelos e de Esposende tenham no mais curto espaço de tempo possível o seu novo hospital de proximidade”.

 

Fonte: BE – Barcelos

Imagem: Hospital de Santa Maria Maior, Barcelos

 

 

Pub

Categorias: Política

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.