Viana do Castelo

Ensino | Município de Viana do Castelo promove flexibilidade curricular

Ensino | Município de Viana do Castelo promove flexibilidade curricular

Pub

 

 

 

A Câmara Municipal de Viana do Castelo apresentou ao Conselho Municipal de Educação todos os recursos educativos existentes no município, tendo como objetivo a promoção da diferenciação e flexibilidade curricular. A Câmara Municipal, tendo em conta que o conhecimento do património local (biológico, geológico e histórico-cultural) e a sua valorização enquanto recurso educativo permite o desenvolvimento de práticas pedagógicas contextualizadas e imersivas na realidade do aluno, quer contribuir para a diferenciação curricular e para o sucesso educativo dos estudantes através da implementação de recursos variados, que incluem exposições, atividades para grupos, projetos educativos, equipamentos e dias temáticos.

Ao longo do ano letivo, serão apresentadas aos estudantes diversas Exposições, promovidas no Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental (CMIA), Centro de Mar de Viana do Castelo, Museu de Artes Decorativas, Museu do Traje e Biblioteca Municipal de Viana do Castelo, que vão abordar temas vários, como os moinhos de maré, o lixo marinho, a cerâmica portuguesa, a poética do amor e o ouro.

No que toca a Atividades para Grupos, serão promovidas atividades pelo CMIA, sobre o mar, água, floresta, resíduos e sustentabilidade, com atividades também direcionadas ao Centro de Mar, Geoparque, Nutrição, Voluntariado, Casa dos Nichos, Museu de Artes Decorativas, Biblioteca Municipal e Museu do Traje. As atividades são variadas, como “Meteste o pé na poça!”, dedicada aos alunos do 1º e 2º Ciclo, que permite ao aluno conhecer a diversidade biológica de uma praia rochosa, reconhecendo a sua importância e as suas maiores ameaças. Na atividade “Compostagem, uma parte de solução?”, direcionada para todos os públicos, pretende-se que os intervenientes tomem consciência da quantidade de resíduos sólidos urbanos (RSU) produzidos, quantidade de material orgânico potencialmente valorizável pela compostagem e processos biológicos associados a este processo. Já na atividade “Rota da História”, para o 2º ciclo e ensino superior, a atividade corresponde a um percurso iniciado na Praia Norte e com término na Praia de Fornelos, ao longo do qual são descritos diversos aspetos da Geodiversidade referentes aos Monumentos Naturais Locais das Pedras Ruivas, Canto Marinho e Alcantilado de Montedor, e a atividade “Ouro – do tradicional ao contemporâneo: A Filigrana e as voltas do fio de ouro”, focada nos alunos do pré-escolar e 1º ciclo, vai promover a criação de peças em “ouro” através da ornamentação dos fios.

No que toca a projetos educativos, os alunos de Viana do Castelo vão contar com 15, promovidos pelo CMIA, Centro de Mar, Geoparque, incluindo também com o Desporto e a Nutrição, abordando assuntos como o sono saudável, a prevenção de comportamentos aditivos, atletismo nas escolas, patinagem no pré-escolar, os cientistas do mar e conceitos de geologia.

Ao longo deste ano letivo, os estudantes do concelho vão ainda assinalar diversos dias temáticos, como o Dia Nacional da Floresta Autóctone, Dia da Cidade, Dia de Darwin, Dia Internacional de Monumentos e Sítios, Dia Internacional dos Museu, Dia do Pescador, entre outros

 

Fonte: Município de Viana do Castelo

Imagem: Olhar Viana do Castelo

 

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver. 

A Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será. 

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais se podem referir, de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

 

Pub

Categorias: Política, Sociedade

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.