Cine-Teatro Sá de Miranda serve de palco para ‘LixoLuxoPoético’

Música | João Ricardo de Barros Oliveira exibe ‘objetos sonoros’ em Viana do Castelo

Música | João Ricardo de Barros Oliveira exibe ‘objetos sonoros’ em Viana do Castelo

Pub

 

 

Entre hoje, 4 de março, e amanhã, o Teatro Municipal Sá de Miranda acolhe Soundivarious – Instalação Intervenção Plástica Sonora – LixoLuxoPoético, de João Ricardo de Barros Oliveira. A apresentação acontece, esta quarta-feira, a partir das 21h30, e amanhã, a partir das 10h00.

As experiências sonoras do autor são baseadas na ideia de soar arte a partir de lixo – assim luxo. Assim, os “Objetos Sonoros” são construídos principalmente de coisas e materiais encontrados, criando instrumentos esculturais únicos com as quais novos sons são produzidos.

João Ricardo de Barros Oliveira, agraciado com o título de Cidadão de Mérito da cidade no passado dia 20 de janeiro, é natural de Viana do Castelo, mas trabalha entre Portugal e Berlim, na Alemanha, onde centraliza o desenvolvimento da sua atividade de músico-escultor plástico sonoro.

Dedica-se predominantemente à criação de novos sons instrumentais. A dimensão da sua obra envolve desde esculturas até à conceção de novos instrumentos musicais e objetos sonoros, construídos a partir de bens recuperados do lixo.

A criação de objetos esculturais capazes de produzir sons com identidade própria, que nunca estão prontos e evoluem sempre para novas e inusitadas sonoridades, tem sido a sua cruzada de mais de duas décadas de experimentação estética e sonora.

João Ricardo de Barros Oliveira tem colaborado com diversos artistas portugueses e estrangeiros, participou em numerosos festivais internacionais de música, dirigiu workshops para crianças e seniores sobre construção de instrumentos a partir do lixo, apresentou a sua música na rádio e televisão na Noruega, Portugal, Espanha, Alemanha, Inglaterra, Áustria e nos Estados Unidos da América, tendo ainda sido compositor de música para filmes de Anna Hoegh Krohn, no qual também atuou como protagonista.

Fontes: Município de Viana do Castelo

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

A Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais se podem referir, de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, o seu contributo pode também ter a forma de publicidade.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Pub

Categories: Agenda, Cultura

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.