‘É Preciso Perder para Depois se Ganhar’!?

FC Famalicão abre época com derrota frente ao Estoril Praia

FC Famalicão abre época com derrota frente ao Estoril Praia

Pub

 

 

O FC Famalicão perdeu, por duas bolas a zero, neste sábado de 6 agosto 2022, o seu primeiro jogo nesta Liga Bwin edição 2022/23, no Estádio Coimbra da Mota, em Cascais, frente ao Estoril Praia. Trata-se de uma entrada negativa adicional para o clube famalicense em mais uma nova época; mas não é só isso, ainda para mais quando se verifica que as razões para o FC Famalicão demorar sempre a atingir ciclos positivos em todas as temporadas estão relacionadas com os mesmos erros de sempre.

E não vai correr sempre bem. Não vai acabar sempre bem. É questionável este ‘jogo perigoso’ da SAD do FC Famalicão. Mesmo face às circunstâncias que surgiram, há opções e decisões que são bastante questionáveis. Houve quem falasse, numa destas temporadas, referindo-se ao FC Famalicão, como uma equipa a jogar em ‘Trapézio Sem Rede’. Foi Luís Freitas Lobo (quem mais!?) num dos seus artigos para o jornal OJogo. E, tal como a maioria da massa associativa do FC Famalicão, também estamos de acordo com este ponto de vista.

‘Defensiva Macia’

A defesa do FC Famalicão precisa de mudanças. Este é o ponto fraco da equipa.

O Eixo Defensivo, que tem sido ‘tendão de Aquiles’, deste FC Famalicão não sofreu alterações e Riccieli, nestes três primeiros jogos (incluindo, obviamente, este primeiro), vai estar ausente por suspensão após os incidentes do último jogo da temporada transacta com o Sporting de Braga. Riccieli é o líder desta defensiva. E não há ninguém para restabelecer a sua liderança na sua ausência. A SAD do FC Famalicão não só ainda não quis reforçar o eixo defensivo… como parece não o querer. Mas é indesmentível que este é o sector mais carenciado de mudanças.

‘Ensaio Sobre a Cegueira’

Francisco Geraldes é um dos mais recentes talentos do futebol português. Para além de ser um talento com o esférico nos pés, é  reconhecidamente um jovem culto e que tem um reconhecido gosto pela literatura. Quando ainda estava a entrar na equipa principal do Sporting CP surgiu num estágio no então plantel orientado por Jorge Jesus a ler o ‘Ensaio Sobre a Cegueira‘ de José Saramago ao lado de Matheus Pereira (outro produto made in Alcochete) que com uns fones nos ouvidos olhava com um olhar curioso.

Desta vez o ‘Ensaio Sobre a Cegueira’ foi da defensiva do FC Famalicão que – não se sabe como foi possível – não viu Francisco Geraldes, aos 20 minutos, a aparecer sozinho dentro da grande área. O craque só teve de rematar para o primeiro golo da equipa do Estoril Praia. Impressionante como um atacante do Estoril Praia conseguiu arrastar para si a defensiva toda, ou quase toda, do FC Famalicão e Francisco Geraldes ficou sozinho e com tudo para marcar.

Erro II

Passividade total da equipa no segundo golo, mesmo ao fechar da primeira parte, com Arthur, um avançado brasileiro do Estoril Praia, a conseguir, após assistência de Tiago Gouveia, conduzir um ataque supersónico sempre com o esférico nos pés, passar pelo último terço do FC Famalicão como uma ‘faca a barrar manteiga’ e ainda contornar a ‘mancha’ de Luiz Júnior para finalizar o segundo e último golo do jogo.

Penalty poderia ter sido um Momento de Viragem

Com o FC Famalicão a perder por dois a zero, após o intervalo a equipa tentou virar o rumo do jogo, mas não foi dominador sobre o adversário nesta partida.

Ao minuto 52 teve um momento que podia ter mudado o jogo e o resultado. Penalty marcado após análise do VAR. Alex Millan falha e na recarga há outro falhanço inacreditável de um atacante famalicense que com a baliza quase deserta e com o guardião Dani Figueira já praticamente batido e estático… atira para ‘fora do Estádio Coimbra da Mota’.

‘É Preciso Perder para Depois se Ganhar’!

A Música é da fadista’ Mariza e é bem apreciado por J. Jesus. Aplica-se e muito bem ao futebol. Esperemos que assim seja com o FC Famalicão, neste início de época.

O FC Famalicão recebe, no dia 12 de agosto 2022, sexta-feira, o SC Braga, no seu Estádio Municipal 22 de Junho, também conhecido por Campo dos Bargos.

O SC Braga não vence o FC Famalicão em sua casa há mesmo muito tempo… mas é necessário o melhor FC Famalicão para levar de vencida este SC Braga, Um dos candidatos ao título.

Por isso, ‘Sexta-feira É Dia de Encher o Municipal 22 de Junho’!

Imagem: FCF

1ª Página. Clique aqui e veja tudo o que temos para lhe oferecer.vila nova online - jornal diário digital generalista com sede em vila nova de famalicão

Resultados da Pré-época Famalicense não auguram início fácil

Caras novas do FC Famalicão poderão vir a revelar-se boas surpresas

 

 

Pub

Categorias: Desporto, Famalicão, Futebol

Acerca do Autor

Francisco Oliveira

Viciado em Imprensa Futebolística desde miúdo, época em que devorava Jornais & Revistas Futebolísticas. Desfruta da Escrita Futebolística desde que começou a escrever para a Página Só nas 4 Linhas na temporada 2018/19. Criador & Pensador da Página Culto Futebolístico nos tempos livres (como sempre!).

Comente este artigo

Only registered users can comment.