Terceira escultura do artista contemporâneo junta-se a ‘casa comprida com árvore dentro’ e ‘casa comprida com luz’

Carlos Nogueira oferece ‘casa com esquina. a céu aberto’ a Santo Tirso

Carlos Nogueira oferece ‘casa com esquina. a céu aberto’ a Santo Tirso

Pub

 

 

“casa com esquina. a céu aberto”, de Carlos Nogueira, é a mais recente incorporação do acervo do Museu Internacional de Escultura Contemporânea, em Santo Tirso. A escultura acaba de ser doada ao Município de Santo Tirso por aquele que é um dos mais conceituados artistas portugueses da atualidade.

A obra – uma escultura de interior – é composta por madeira, metal e vidro, que são alguns dos materiais preferidos de Carlos Nogueira, com recurso à luz, também presente em muitos dos seus trabalhos.

Esta escultura de Carlos Nogueira será exposta, pela primeira vez, na Capela do Senhor dos Passos, em Santo Tirso, após a Páscoa, em data ainda a definir.

Carlos Nogueira revela que “esta doação é uma forma de reconhecimento do trabalho, empenho e cuidado que só alguns, como o Museu Internacional de Escultura Contemporânea, sabem ter”.

“As coisas só devem estar em mãos certas e eu, no que me diz respeito, acho que o Museu de Escultura de Santo Tirso sabe ter e cuidar das coisas”, acrescenta.

‘Mais do que uma referência ao imaginário da casa’ de Carlos Nogueira

Carlos Nogueira ‘pesquisa em torno da ideia de casa, de imagem e dos mecanismos que as engendram, Carlos Nogueira continua envolto na construção de elementos que reclamam a atenção do observador. Trabalhando o reflexo e a mudez, a transparência e a opacidade, a superfície e a volumetria, a luz e a escuridão, as obras que nos apresenta convocam uma ideia de interioridade, e reportam-se a um espaço potencialmente doméstico’, afirma Sérgio Fazenda Rodrigues, em Contemporânea, a propósito de uma anterior exposição do escultor, mais desenhos de casas com luz. e escuridão.

‘Mais do que uma referência ao imaginário da casa, potenciada pelo uso de elementos que lhes são próprios, estas obras propõem uma ideia de casa. Nas suas múltiplas variações, são contentores de algo que indaga a própria noção de presença’, destaca.

“casa com esquina. a céu aberto” relacionada com outras obras do escultor Carlos Nogueira patentes em Santo Tirso

Esta passa, assim, a ser a terceira obra de Carlos Nogueira em Santo Tirso, depois de “casa comprida com árvore dentro”, de 2012, e de “casa comprida com luz”, de 2016.

Segundo Carlos Nogueira, “casa com esquina. a céu aberto” está “absolutamente interligada” com as duas obras anteriores -, refletindo acerca da mesma temática – a casa – e explorando a relação entre construção e memória.

Carlos Nogueira, referência incontornável na arte portuguesa

Carlos Nogueira é um dos mais notáveis artistas contemporâneos, com uma criação interdisciplinar e de intransigente rigor estéticos e ético, que permanecerá como uma referência incontornável na História da Arte portuguesa.

Encontra-se representado internacionalmente e em todas as coleções e instituições nacionais de relevo no âmbito da arte contemporânea, merecendo também destaque o seu significativo acervo de escultura pública em Portugal e no estrangeiro.

Manter Santo Tirso como cidade de referência da arte contemporânea

Para o presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Alberto Costa, “a oferta de mais esta escultura [por Carlos Nogueira] é um importante ato de filantropia, que constitui um motivo de grande orgulho por se tratar do reconhecimento do trabalho desenvolvido pelo Museu Internacional de Escultura Contemporânea”, obra por sua vez nascida da visão do malogrado escultor Alberto Carneiro.

“Podermos contar com mais uma obra de um autor tão notável como Carlos Nogueira, a quem manifesto um profundo agradecimento, dá-nos a motivação para continuarmos a trabalhar no sentido de mantermos Santo Tirso como cidade de referência da arte contemporânea, a nível nacional e internacional”, acrescenta.

1ª Página. Clique aqui e veja tudo o que temos para lhe oferecer.vila nova online - 1ª página - jornal diário digital generalista de âmbito regional

Amar uma sombra: com Lourdes Castro

Imagem: MSTS

VILA NOVA, o seu diário digital. Conte connosco, nós contamos consigo.

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

VILA NOVA é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a VILA NOVA é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a VILA NOVA tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade, entre outros.

Para lá disso, a VILA NOVA pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta. A melhor forma de o fazermos é dispormos de independência financeira.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de mbway, netbanking, multibanco ou paypal.

MBWay: 919983484

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Paypal: pedrocosta@vilanovaonline.pt

Envie-nos os seus dados e na volta do correio receberá o respetivo recibo para efeitos fiscais ou outros.

Poderá ainda visitar os nossos anunciantes.

Gratos pelo seu apoio e colaboração.

Santo Tirso inaugura Hospital Veterinário

AnaVitória mostra ‘Pulsão do Laço’ no Centro Cultural de Vila das Aves

Pub

Categorias: Arte, Escultura, Santo Tirso

Acerca do Autor

Comente este artigo

Only registered users can comment.