Na janela de janeiro, o clube famalicense andará à procura de soluções para melhorar resultados na 2ª metade da época 2021-2022

F. C. Famalicão diz ‘Seja bem-vinda!’ à época de transferências

F. C. Famalicão diz ‘Seja bem-vinda!’ à época de transferências

Pub

 

 

O F. C. Famalicão realizou uma primeira metade de temporada 2021-22 abaixo do expectável. O clube de Vila Nova de Famalicão ocupa atualmente o penúltimo lugar, com apenas 11 pontos. Estes resultados são o reflexo de um início de época ao longo da qual a regularidade exibicional não foi uma realidade e a equipa revelou falta de consistência.

Rui Pedro Silva foi, entretanto, anunciado como novo treinador e é agora o novo ‘homem do leme’, em substituição de Ivo Vieira. Terá a missão de mudar o rumo de um resto de temporada que se adivinha difícil. No entanto, no Futebol, ‘o que hoje é verdade, amanhã é mentira’; e vice-versa.

O que precisa o F. C. Famalicão para fazer um upgrade na forma de jogar?

Baliza: uma alternativa válida, precisa-se

Luiz Junior é a aposta mais adequada da estrutura da SAD do F. C. Famalicão. A aposta no guardião brasileiro é absolutamente idêntica à que foi feita pelo Sporting em Rui Patrício no ‘consulado de Paulo Bento‘. Com este palpite, o clube famalicense arrisca alguma margem de erro ao apostar num jovem de elevado potencial.

O jovem guarda-redes brasileiro tem mesmo essa capacidade para vir a tornar-se um dos melhores no seu lugar e permitir ao clube colher os dividendos dessa aposta. A confirmá-lo, o facto de Luiz Junior ter estado entre o ‘oito e o oitenta’, colecionando grandes defesas e erros inconcebíveis. É percetível que essa baixa de rendimento se deve a falta de competitividade na baliza.

O F. C. Famalicão precisará da alternativa de um guarda-redes de boa qualidade alternativo a Luiz Junior e que lhe ofereça luta e o desafie para se transcender jogo após jogo.

Um novo guardião para dar luta pela baliza famalicense é, portanto, uma lacuna identificável.

Eixo defensivo: o ‘tendão de Aquiles’ do momento

O eixo defensivo é o ponto mais fraco do F. C. Famalicão nesta primeira metade da época 2021-2022.

Tendo ficado refém de um dos ‘expoentes máximos’ portugueses na linha defensiva – Bruno Alves -, uma vez que pouco depois de assinar pelo clube acabaria por se ir embora, o F. C. Famalicão ficou com uma defesa em que se sente a ausência de liderança.

O clube famalicense precisa, por isso, de contratar um defesa central experiente – ainda que não do patamar competitivo de Bruno Alves). Esta é, talvez, a mudança mais necessária e urgente no plantel do ‘Vila Nova‘.

A experiência é determinante em qualquer plantel.

Meio-campo: há faltas na defesa, na transição e no ataque

Nesta zona do jogo, o F. C. Famalicão possui excesso de criativos, o que resulta em falta de objetividade na linha de jogo.

O meio-campo defensivo tem, neste momento, uma única unidade: Charles Pickel!

No plano dos médios de transição, o clube conta apenas com Pepê Rodrigues; tudo o mais são criativos.

Estas faltas revelam um desequilíbrio num setor essencial a qualquer equipa de Futebol, uma vez que é no meio-campo que, muitas vezes, se vencem os jogos.

Um médio com cariz defensivo é outra necessidade identificada, até porque no meio-campo se joga com as duas funções futebolísticas – ataque e defesa.

Gustavo Assunção poderá estar de regresso após empréstimo, pleo que pode ser esse o médio-centro necessário à equipa. Eventualmente, Ryan Teague, embora menos provável, poderia também realizar essa função.

Ataque: ‘Banza Afinada & um Grupo de Violinistas’, um ‘assédio ‘quase’ inevitável’

No ataque famalicense há uma referência para o golo que tem um nome: Simon Banza. Mas Banza não é futebolista do F. C. Famalicão, tendo sido emprestado pelo Racing Club de Lens, de França. Banza tem feito uma metade de temporada com muitos golos, bem como assistências.

É uma incógnita se Banza continuará no F. C. Famalicão; e essa é uma sombra sobre o futuro da equipa. Assim, um reforço mais que fantástico seria a compra de Simon Banza. Não se sabe também se o F. C. Famalicão terá condições financeiras para efetuar tal transação.

Para o lugar de Banza, há Marcos Paulo que, por ora, tarda em mostrar o que vale. Para além de Banza, há ainda mais ‘Orquestra de Violinos’ a juntar a uma ‘Banza Afinada’.

Banza e o seu grupo de Violinistas são, neste momento, Ivan Jaime, Ivo Rodrigues e Pedro Brasão.

Resultados, a ‘pedra filosofal’ do F. C. Famalicão

Aguardemos para ver as mudanças que acontecerão nos próximos tempos no F. C. Famalicão!

Até ao lavar dos cestos é vindima, costuma a dizer-se. E os resultados são a ‘Pedra Filosofal’ que ‘Comanda a Vida e o Sonho Famalicense’.

1ª Página. Clique aqui e veja tudo o que temos para lhe oferecer.vila nova online - 1ª página - finanças - europa - prr - joão leão - primeiro pagamento

FC Famalicão tem novo treinador: Rui Pedro Silva

Imagens: FCF

VILA NOVA, o seu diário digital. Conte connosco, nós contamos consigo.

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

VILA NOVA é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a VILA NOVA é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a VILA NOVA tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a VILA NOVA pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de mbway, netbanking, multibanco ou paypal.

MBWay: 919983484

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Paypal: pedrocosta@vilanovaonline.pt

Obs: envie-nos os seus dados e na volta do correio receberá o respetivo recibo para efeitos fiscais ou outros.

Gratos pela sua colaboração.

Famalicão cresce para Norte com novo empreendimento imobiliário

Duatlo Famalicão regressa à Devesa pela mão dos Amigos do Pedal

Fazer parte da História da Fundação e de Famalicão!…

Publicidade | VILA NOVA: deixe aqui a sua Marca

Pub

Categorias: Desporto, Famalicão, Futebol

Acerca do Autor

Francisco Oliveira

Viciado em Imprensa Futebolística desde miúdo, época em que devorava Jornais & Revistas Futebolísticas. Desfruta da Escrita Futebolística desde que começou a escrever para a Página Só nas 4 Linhas na temporada 2018/19. Criador & Pensador da Página Culto Futebolístico nos tempos livres (como sempre!).

Comente este artigo

Only registered users can comment.