Reduzir o estigma contribuindo para a melhoria da saúde sexual em todas as fases da vida

Clara Não ilustra plataforma rumo a uma Geração VIH’0

Clara Não ilustra plataforma rumo a uma Geração VIH’0

Pub

 

 

Foi lançada há dias uma nova plataforma – ZEROVIH.PT – desenvolvida com o apoio da ilustradora e digital influencer Clara Não, que tem como objetivo agregar conteúdos de sensibilização para os comportamentos de risco que levam à propagação do VIH. O patrono da iniciativa é a farmacêutica MSD Portugal que pretende ajudar as camadas mais jovens da população a explorar o tema da sexualidade de forma segura e a compreender melhor o Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH).

O mote desta plataforma, lançada aquando do Dia Mundial da Saúde Sexual, assenta no compromisso de fazer parte de um movimento de sensibilização e de erradicação de uma doença possível de ser controlada através da alteração de comportamentos. Para alcançarmos uma geração ZERO VIH, é preciso ZERO comportamentos de risco e, no caso de infeção já existente, uma carga viral indetetável, através da toma regular da medicação.

Juventude = aventura + descoberta + risco

Todos sabemos que juventude é sinónimo de aventura e descoberta. É nesta etapa de vida que começa o despertar da sexualidade, sendo de extrema importância que o mesmo seja feito de forma consciente, informada e segura. Contudo, os jovens portugueses parecem seguir atualmente uma tendência europeia que aponta para uma menor utilização do preservativo nas suas relações sexuais, ficando vulneráveis a infeções sexualmente transmissíveis, como é o caso do VIH.

Mais e melhor informação combate estigma do VIH

Apesar de ser considerada uma doença crónica, a infeção por VIH continua a ter uma conotação negativa e estigma associado. O momento do diagnóstico pode ser assustador. A informação é uma dimensão essencial para lidar de forma tranquila com o vírus.

Na plataforma ZEROVIH.PT os jovens vão encontrar de forma simples, sucinta e sem tabus, através das ilustrações da Clara Não, respostas às mais variadas perguntas relacionadas com a infeção, desde informação sobre os comportamentos de risco, até ao percurso que deve ser feito em caso de diagnóstico positivo.

Atuar na redução do estigma e da transmissão

A plataforma ZEROVIH.PT está inserida no programa VIHDA.pt, um portal de literacia sobre VIH/SIDA, desenvolvido pela MSD Portugal e que conta com o patrocínio científico da Associação Portuguesa para o Estudo Clínico da SIDA e da Sociedade Portuguesa de Doenças Infecciosas e Microbiologia Clínica, assim como o apoio da Associação Abraço, da Associação de Intervenção Comunitária, Desenvolvimento Social e de Saúde, do Grupo Ativistas em Tratamento, da Associação Positivo e da Ser + – Associação Portuguesa para a Prevenção e Desafio à SIDA.

A MSD Portugal pretende, com esta e outras iniciativas, contribuir para a melhoria da saúde sexual em todas as fases da vida e atuar na redução do estigma e da transmissão, proporcionando às gerações vindouras um futuro sem VIH.

clara não - ilustradora e performer - vihver.pt - geração vih'0 - orgulho - ilustração - plataforma - mds portugal

Quem é Clara Não?

Clara Não é uma jovem ilustradora residente no Porto. Tem-se destacado pela irreverência e ironia nas ilustrações que produz, onde reivindica a igualdade, trata tabus da sociedade e explora experiências pessoais. A artista plástica lançou o seu primeiro livro em junho de 2019, editado pela Ideias de Ler, intitulado Miga, esquece lá isso! — Como transformar problemas em risadas de amor-próprio.

VIH e SIDA – Pelo fim do estigma

1ª Página. Clique aqui e veja tudo o que temos para lhe oferecer.vila nova online - 1ª página - finanças - europa - prr - joão leão - primeiro pagamento

governo - secam - ambiente - praia segura - prr

[i] Inchley J, Currie D, Budisavljevic S, Torsheim T, Jåstad A, Cosma A et al., editors. Spotlight on adolescent health and well-being. Findings from the 2017/2018 Health Behaviour in School-aged Children (HBSC) survey in Europe and Canada. International report. Volume 1. Key findings. Copenhagen: WHO Regional Office for Europe; 2020. Licence: CC BY-NC-SA 3.0 IGO.

As ondas do mar são como as mulheres

VILA NOVA, o seu diário digital

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

VILA NOVA é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a VILA NOVA é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a VILA NOVA tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a VILA NOVA pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de mbway, netbanking, multibanco ou paypal.

MBWay: 919983484

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Paypal: pedrocosta@vilanovaonline.pt

Obs: envie-nos os deus dados e na volta do correio receberá o respetivo recibo para efeitos fiscais ou outros.

Gratos pela sua colaboração.

*

‘Gene saltador’ eliminou cauda nos humanos e grandes macacos

Bertrand Livreiros - Editora Bertrand - ligação para a página BERTRAND - livros - livraria - online

Pub

Categorias: Comunidade, Juventude, Saúde

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.