Jovens são maiores beneficiários mas não são os únicos

Mobilidade | Guimarães incrementa redução tarifária nos Transportes Públicos

Mobilidade | Guimarães incrementa redução tarifária nos Transportes Públicos

Pub

 

 

A Câmara Municipal de Guimarães, por forma a fomentar a utilização dos transportes públicos, através do Programa de Apoio à Redução Tarifária dos Transportes Públicos (PART), prevê em 2021 um investimento global superior a meio milhão de euros na comparticipação de passes de alunos do ensino básico e secundário, do ensino público e privado, de pessoas com mobilidade reduzida, bem como o compromisso com os operadores de transporte público que operam no concelho, para assumir os atos impositivos, atendendo à manutenção da situação pandémica e da necessidade de determinação de serviços mínimos e essenciais.

Majorada comparticipação da utilização dos transportes públicos por estudantes

Em reunião de câmara, foi aprovado o alargamento da comparticipação de 50% para 100% dos passes de alunos do ensino básico e secundário, que residam a uma distância inferior a três quilómetros do estabelecimento de ensino, desde que matriculados no estabelecimento de ensino da área de residência, no ano letivo 2021/2022.

O PART foi ainda alargado aos alunos do ensino básico e secundário residentes em Guimarães e que frequentem estabelecimentos de ensino particular no concelho através da comparticipação de 100% dos passes independentemente da distância entre o estabelecimento de ensino e da residência, no próximo ano letivo 2021/2022.

Os estudantes residentes no concelho de Guimarães e que frequentam instituições de ensino superior do concelho, no próximo ano letivo de 2021/2022, poderão ainda usufruir de uma comparticipação adicional de 100% sobre o passe social da CIM do Ave, com desconto de 50%, perfazendo uma comparticipação de 100% do valor do passe.

Manutenção de desconto jovem durante o verão

O Município de Guimarães mantém ainda, à semelhança dos últimos anos, durante o mês de agosto, a comparticipação de 50% do passe em transporte público regular para crianças ou jovens, até aos 18 anos – “Passe Sub-18”, por forma a garantir a mobilidade e promover a sua capacidade de deslocação em transporte público no período de férias escolares.

Redução tarifária também abrange pessoas com Invalidez Total e Permanente

Por forma a que todas as pessoas com um grau de incapacidade igual ou superior a 60% possam usufruir dos descontos em vigor para os utentes de passe nos Transurbanos de Guimarães, o Município de Guimarães assumiu uma comparticipação de 50% sobre o passe social da CIM Ave, com desconto de 50%, perfazendo uma comparticipação de 75% do valor do passe.

Outros descontos

A comparticipação do passe da Linha Cidade (TUG) foi alargada para todas as pessoas, importando o custo mensal de 10 euros para o munícipe e a Câmara comparticipa com € 7,10, tal como já era praticado para os assinantes do passe da CP.

Destaca-se, por último, a manutenção da medida implementada pela CIM do Ave, no âmbito do PART, designadamente a redução tarifária de 50% de todos os passes mensais não bonificados de residentes dos municípios que integram a comunidade intermunicipal do Ave, nas deslocações municipais, intermunicipais (origem e destino nos concelhos da CIM do Ave), e inter-regionais (com origem nos concelhos da CIM do Ave e destino noutra Comunidade Intermunicipal ou Área Metropolitana).

 

Clique aqui e saiba as últimas que temos para lhe dar sobre o Minho e 4 concelhos roubados do Douro Litoral, entre eles Barcelos, Braga, Famalicão, Esposende, Guimarães, Póvoa de Varzim, Santo Tirso, Trofa, Viana do Castelo; e mais, muito mais.
Tudo para cães e gatos, mas também para outros animais de companhia.

**

*
VILA NOVA, o seu diário digital

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

A Vila Nova é cidadania e serviço público. Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será. No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco (preferencial) ou mbway.

NiB: 0065 0922 00017890002 91
IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91
BIC/SWIFT: BESZ PT PL
MBWay: 919983484

Obs: envie-nos os seus dados e na volta do correio receberá o respetivo recibo para efeitos fiscais ou outros.

*

Gratos pela sua colaboração.

*

Pub

Categorias: Guimarães, Sociedade

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.