António Manuel Reis

Autárquicas | Candidaturas PSD a Barcelos: Não têm espelhos em casa?

Autárquicas | Candidaturas PSD a Barcelos: Não têm espelhos em casa?

Pub

 

Barcelos encontra-se em final de ciclo político.

A perspectiva é que o novo ciclo político alegadamente possa vir a ser protagonizado pela mesma força partidária actualmente no poder, independentemente dos seus intervenientes e ou do estado de guerrilha em que se encontram.

A exemplo do País, PSD Barcelos incorre nos equívocos do passado

A exemplo do País, o principal partido da oposição local não capitaliza o descontentamento, mesmo com o trabalho competente, sério, construtivo, com sentido de causa pública e do superior interesse dos Barcelenses, efectuado pelos seus vereadores, nos Paços do Concelho.

A exemplo do País, o principal partido da oposição local não tem liderança, não inspira confiança, não tem rumo, muito menos um desígnio que se conheça para Barcelos.

A exemplo do País, o principal partido da oposição local, promove erros de principiante e incorre nos mesmos equivocos do passado.

Momento dramático

Como social-democrata, agora independente, afastado das lides políticas, mas com sentido crítico construtivo, mesmo assim, não sendo militante, sinto vergonha do que se está a passar neste partido a nivel nacional, mas sobretudo no âmbito local.

Muitos, como eu, que sempre votaram PSD, estão hoje numa encruzilhada, não se sentem representados, nesta social-democracia deste PSD actual, muito menos nos seus protagonistas.

No Concelho de Barcelos, o momento é dramático.

Breve reconstituição dos factos

Há 8 meses aquando das eleições  internas, foi constituída uma coligação negativa com uma lebre à cabeça de uma lista que maioritariamente (efectivos da Comissão Política de Secção – CPS) não era da sua confiança política, um jogo de sombras, com um único e derradeiro propósito – derrotar o Presidente e Vice-Presidentes da CPS à altura – Adélio Miranda e Joel Sá -, e putativos candidatos autárquicos neste ano.

Como era expectável, numa coligação negativa, os alter egos começam a chocar, as concessões e os arranjos temporários em forma de promessas e acordos tácitos acabam por não ser mantidos nem cumpridos. As divisões acentuam-se.

Estava escrito nas estrelas, se a lebre quisesse ir além do que estava estipulado, cairia. Os leões famintos não permitiriam.

Caiu, não por culpa própria, mas sim pela manifesta incompetência e inexperiência política dos seus dois assessores e ideólogos. Tudo tem o seu tempo; e este ainda não era o tempo certo.

Sondagens e hipóteses de escolhas para a candidatura à Câmara Municipal

Actualmente, após as votações, os estudos de mercado (sondagens) a la carte que, surpreendentemente para alguns não deram os resultados desejados relativamente à escolha do candidato à Câmara Municipal de Barcelos, a nomeação alegadamente irá recair para o lado de quem sempre foi o candidato ‘escolhido’ que sabiamente, desde o início, colocou a suas peças nos lugares fundamentais do xadrez político (CPS) que garantiriam maioria na votação interna e decisória para a sua proclamação.

Contudo, a clarificação será tomada pela Distrital, em consonância com a Nacional, através dos nomes indicados pela Concelhia. Para os lados da capital, o nome mais consensual, alegadamente, é o do candidato às últimas eleições autárquicas em 2017. Porém, estou em crer que este será escolhido para número dois da lista candidata à CMB. Caso esteja equivocado, desde já aceitem o meu pedido de desculpas.

O candidato ideal para o PSD seria o Dr. Adélio Miranda

Creio porém que, embora ambos sejam personalidades sérias, idóneas e competentes profissionalmente, neste momento não são as pessoas mais indicadas, para serem candidatas nestas Eleições Autárquicas. É a minha opiniao, e só a mim vincula.

Perante a situação, e o estado actual do maior partido da oposição em Barcelos, é necessária uma personalidade com serviço de Missão, conhecida e reconhecida na sociedade, com credibilidade, com o propósito de recuperar o voto urbano, diminuir a sangria no meio rural, capaz de formar e liderar uma lista de unidade na diversidade, aberta a coligações abrangentes, alicerçada num projecto forte, de grande aceitabilidade pela população e que coloque Barcelos em Primeiro.

Essa personalidade neste momento passaria pelo Dr. Adélio Miranda.

O panorama político de Barcelos tem de ser de alternativa e alternância, para o bem da democracia.

Barcelos Primeiro

Termino como iniciei.

Espelho meu, espelho meu, serei mesmo o candidato ideal e vencedor que o Partido precisa para ganhar Barcelos?

E questiono:

Nao têm espelhos em casa?

 

Breves considerandos

Legitimar democraticamente a nova direcção

Relativamente ao momento político, após a demissão do Presidente do Partido em Barcelos, decorrido somente 1/3 do mandato, a cooptação dos seguintes e alterações que irão certamente ser apresentadas em Assembleia de Militantes para aprovação, conforme os Estatutos, seria de elementar bom senso, desde já, para bem da sanidade política, que imediatamente após as eleições autárquicas os militantes de Barcelos fossem chamados às urnas para legitimar uma direcção partidária, pois a actual, embora legal, não foi a sufragada pelos militantes hà 8 meses atrás.

Por muitos erros que se tenham cometido, na vigência dos mandatos de José Novais, e existiram, os militantes tiveram sempre a palavra final.

Contudo, esses erros nunca foram tão maus e tão perniciosos para o partido, como os actuais.

 

A vacinação esta a decorrer; é preciso manter e cumprir as regras sanitárias.

Cuidem-se.”

Cultura | PSD Famalicão debate impacto da pandemia na atividade cultural

Autárquicas | PSD aposta em ex-deputada e atual vereadora para ganhar Caminha ao PS

1ª Página. Clique aqui e veja tudo o que temos para lhe oferecer.

Imagem: DR

**

VILA NOVA: conte connosco, nós contamos consigo.

Se chegou até aqui é porque considera válido o trabalho realizado.

Apoie a VILA NOVA. Efetue um contributo sob a forma de donativo através de netbanking, multibanco ou mbway.

NiB: 0065 0922 00017890002 91
IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91
BIC/SWIFT: BESZ PT PL
MBWay: 919983484

Envie-nos os seus dados fiscais. Na volta do correio, receberá o respetivo recibo.

Gratos pelo seu apoio e colaboração.

*

Pub

Categorias: Autor, Crónica, Política

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.