‘Partidos políticos têm papel muito relevante na discussão de soluções de cariz social, económico e territorial’, sendo que ‘entendimento autárquico com PSD será para manter’

Militância | Ricardo Mendes volta a vencer eleições para a Concelhia do CDS-PP de Vila Nova de Famalicão

Militância | Ricardo Mendes volta a vencer eleições para a Concelhia do CDS-PP de Vila Nova de Famalicão

Pub

 

 

Ricardo Mendes prossegue a liderança da Concelhia do CDS-PP de Vila Nova de Famalicão. O atual líder concelhio do Partido foi reeleito este domingo para Presidente da Comissão Política do CDS PP local, um ato de lista única, mas muito participado. As eleições foram sucessivamente adiadas por consequência da pandemia e só passíveis de se realizarem agora. “Obrigamo-nos a um rigoroso cumprimento das regras em vigor e a participação acabou por exceder a expectativa que tinamos tendo em conta que apenas se
apresentava a votos uma única lista para os diferentes estruturas do partido”, salienta Ricardo Mendes.

Por força da limitação de mandatos em vigor, estes serão os últimos dois anos de Ricardo Mendes na
liderança da estrutura. “Procuramos rejuvenescer as listas, incorporando gente na dinâmica do
Partido. Vamos ter, nestes dois anos, atos eleitorais importantes, desde logo as eleições
autárquicas, e quisemos trazer gente nova para trabalhar na dinâmica da Concelhia, preparando
também quadros para o futuro do CDS-PP“.

Trabalho a fazer

Ricardo Mendes diz estar preocupado com o ‘pós-pandemia’ e os efeitos que o último ano trouxe à
vida das pessoas. Nesse sentido aponta para o trabalho que há a fazer. “Os partidos políticos e as
suas estruturas têm um papel muito relevante a desempenhar na discussão de soluções políticas
de cariz social, económico e territorial”, no caso do CDS-PP tendo por base a ideologia humanista que caracteriza o Partido desde a sua fundação. “Em Famalicão queremos fazer o nosso trabalho”.

(Re)Criar dinâmica de aproximação

Ricardo Mendes tem como vice-presidentes Hélder Pereira e Armindo Gomes. Isaque Pinto é o
secretário da Comissão Política. Pedro Sena é o novo presidente da Mesa da Assembleia Concelhia.
Trata-se de “um grupo de militantes que está motivado para o desempenho de um papel comunitário no
âmbito da ação política. Exemplo disso é a tomada de posse das comissões instaladoras dos Núcleos
do CDS-PP nas Vilas de Joane e de Ribeirão”. Hugo Machado, em Joane, e Bruno Correia, em Ribeirão,
vão ser os responsáveis pela reativação dos Núcleos locais do partido. “Queremos criar uma dinâmica de
aproximação territorial, de aproximação às pessoas, para escutar e servir”.

Autárquicas em coligação com PSD

No plano da discussão autárquica Ricardo Mendes diz que o processo está a decorrer de forma
serena. “Há um trabalho e um entendimento com o PSD que tem sido muito positivo em Vila Nova
de Famalicão. Recentemente estive ao lado do Presidente Concelhio do PSD – [Paulo Cunha] – no apoio à
candidatura de Leonel Rocha à junta de Freguesia de Ribeirão, num sinal claro de que o projeto
autárquico será para manter”.

Autárquicas | PS de Barcelos quer candidatar Horácio Barra à Câmara Municipal

Imagem: CDS

Clique aqui. Veja o muito que temos para si.


**

*
VILA NOVA, o seu diário digital

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

A Vila Nova é cidadania e serviço público. Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será. No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco (preferencial) ou mbway.

NiB: 0065 0922 00017890002 91
IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91
BIC/SWIFT: BESZ PT PL
MBWay: 919983484

*
Obs: envie-nos os deus dados e na volta do correio receberá o respetivo recibo para efeitos fiscais ou outros.
*
Gratos pela sua colaboração.
*

Pub

Categorias: Famalicão, Local, Política

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.