Na luta pelos interesses e promoção do desenvolvimento da Vila de Riba d’Ave

Urbanismo | PS de Riba d’Ave lamenta abandono do território pelo Município de Famalicão

Urbanismo | PS de Riba d’Ave lamenta abandono do território pelo Município de Famalicão

Pub

 

 

Numa ocasião em que a a Vila de Riba d’Ave acaba de ser alvo de exposição mediática motivada pela exibição dos feitos e locais mais importantes da localidade, “de que todos nos orgulhamos enquanto ribadavenses”, no programa «Sem Fronteiras» da RTP1, a secção local do Partido Socialista de Riba de Ave veio a público lamentar “a falta de investimento ou até esquecimento” a que a sua freguesia se encontra votada pelo Poder Local.

“Foi necessário decorrerem cerca de 40 anos, para que através de financiamento de fundos comunitários em parceria com o Estado, em concreto no âmbito do programa de apoio Norte 2020, se pudesse – finalmente – dar início às ‘tão aclamadas’ obras” no edifício do Teatro Narciso Ferreira”.

Câmara Municipal e Junta de Freguesia mostram falta de interesse pelo território

Segundo a secção ribadavense do Partido Socialista, fica, assim, demonstrado que “o investimento que Riba de Ave tem recebido ao longo dos últimos anos não são mais do que investimentos que partem de apoios do Governo, de apoios comunitários ou até de apoios privados”, o que “acentua a falta de interesse daqueles que devem atuar em primeiro plano, como a Câmara Municipal ou a Junta de Freguesia, por serem aqueles que estão em melhores condições para preservarem e promoverem o desenvolvimento da vila, não só em razão de proximidade, mas também por inerência às suas próprias funções”.

PS na luta pelos interesses e promoção do desenvolvimento da Vila de Riba d’Ave

Em jeito de conclusão, o PS de Riba d’Ave mostra-se satisfeito com aqueles que, “felizmente”, têm sido “os apoios privados e financiamentos do Estado”, embora ressalve que a freguesia “não se pode acomodar à ideia de continuarmos à mercê deste tipo de investimentos.

“Teremos sim, que repensar se não será altura de quem nos representa lutar verdadeiramente pelos nossos interesses e promover o desenvolvimento da nossa Vila, sem que para isso estejamos sempre dependentes de financiamentos externos que nada têm a ver com a nossa Autarquia Local”.

Ração para cães e gatos com desconto até 50%

Pandemia | Mentira e medo são os grandes inimigos da democracia

Biodiversidade | Um terço dos peixes de água de todo o mundo encontram-se doce ameçados

Imagem: PS RdA

**

*

VILA NOVA, o seu diário digital

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco (preferencial) ou mbway.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

MBWay: 919983484

*

Obs: envie-nos os deus dados e na volta do correio receberá o respetivo recibo para efeitos fiscais ou outros.

*

Gratos pela sua colaboração.

*

Ração para cães e gatos com descontos até 50%

Pub

Categorias: Política

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.