Medida surge em conformidade com princípios de responsabilidade ambiental

Sustentabilidade | Coviran passa a usar apenas sacos biodegradáveis

Sustentabilidade | Coviran passa a usar apenas sacos biodegradáveis

Pub

 

 

A Coviran decidiu adotar um modelo de negócio mais sustentável e respeitoso para com o meio ambiente e, em simultâneo, aproveitar a ocasião para sensibilizar os seus clientes para a relevância desse mesmo modelo de consumo. Esta iniciativa vem no seguimento de  outras práticas que a rede cooperativa de supermercados tem vindo a aplicar com o objetivo de reduzir o mais possível a utilização de sacos de plástico nos pontos de venda e nos centros logísticos.

De facto, os hábitos dos portugueses têm mudado e hoje a preocupação ambiental ganha novos contornos, implicando uma nova responsabilidade de consumo. Por essa razão, há, inclusive, cientistas portugueses a trabalhar na procura de alternativas ao plástico. Ciente desse facto, a Cooperativa decidiu aplicar as novas regras ao seu modelo de negócio e partilhar com os seus sócios a eliminação da utilização de sacos de plástico nas respetivas lojas, permitindo apenas o uso de sacos biodegradáveis.

Na verdade, há cerca de seis anos iniciou-se uma nova era no que respeita à utilização de sacos de plástico nos supermercados onde estes passaram a ser pagos, registando-se um decréscimo no seu consumo. Esta situação, que acabou por se alargar aos sacos ultraleves comummente utilizados para transporte de fruta e padaria, deu origem à proibição de sacos de utilização única, que se prevê venha a ser aplicada de acordo com a concretização da Diretiva europeia 904/2019, de 5 de junho, provavelmente apenas em 2023.

Alternativas ao plástico

A Coviran tem vindo a oferecer alternativas ao plástico que têm registado uma grande aceitação por parte dos clientes e consumidores. Uma dessas alternativas encontra-se na coleção exclusiva de sacos de ráfia enaltecendo as cidades portuguesas que acaba de ser lançado sob a designação “A arte de fazer compras“. Estão também disponíveis os sacos de ráfia vermelha e o saco de papel biorreutilizável. A Cooperativa lançou também sacos de malha reutilizáveis para frutas e legumes.

“Na Coviran, trabalhamos sempre para tornar as nossas lojas e produtos mais sustentáveis e temos total consciência da importância de reduzir a nossa pegada ambiental”, comenta Acácio Santana, Diretor Geral da Coviran Portugal. Sobre esta decisão, o responsável da cooperativa com estabelecimentos comerciais em Barcelos, Braga, Esposende, Guimarães, Póvoa de Varzim, Santo Tirso, Maia e Viana do Castelo, entre outros, reforça que “a medida surge em conformidade com os nossos princípios de responsabilidade ambiental e vem satisfazer a vontade dos nossos parceiros e clientes, também eles ambientalmente conscientes. Não podemos querer ser uma marca de referência sem apresentarmos uma política sustentável”.

Nos centros logísticos também se implementou a política de reduzir a utilização de plástico. Só em filme, um material imprescindível no processo de selagem dos alimentados transportados em paletes, utilizaram-se menos 5 toneladas que no ano anterior (-4,34%), um dado que também se reflete nas poupanças económicas dos centros de trabalho da Coviran.

 

**

*

VILA NOVA, o seu diário digital

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco (preferencial), mbway ou paypal.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

MBWay: 919983484

*

Obs: envie-nos os deus dados e na volta do correio receberá o respetivo recibo para efeitos fiscais ou outros.

*

Gratos pela sua colaboração.

*

Pub

Categorias: Sociedade

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.