Na autarquia inteirou-se sobre a realidade vianesa, mas na Diocese D. Ivo Scapolo ordenou em Viana do Castelo o sacerdote João Bosco

Diplomacia | Núncio Apostólico em Portugal recebido pelo executivo de Viana do Castelo

Diplomacia | Núncio Apostólico em Portugal recebido pelo executivo de Viana do Castelo

Pub

 

 

O Núncio Apostólico em Portugal, D. Ivo Scapolo, foi hoje recebido pelo executivo na Câmara Municipal de Viana do Castelo. O arcebispo italiano, embaixador da Santa Sé em Portugal desde agosto de 2019, realizou uma visita oficial à Diocese de Viana do Castelo e aproveitou para se inteirar sobre a realidade do concelho vianense.

O edil vianense aproveitou a ocasião para, na presença do Núncio Apostólico, entregar ao Administrador Diocesano, Monsenhor Sebastião Pires Ferreira, as medalhas de honra atribuídas pelo Município aos bispos D. Anacleto Oliveira e D. José Pedreira, falecidos em 2020.

O autarca, na sua intervenção, agradeceu a visita do Embaixador da Santa Sé ao concelho, manifestando também a gratidão e o reconhecimento de Viana do Castelo ao trabalho pastoral desenvolvido pelos bispos vianenses que faleceram no ano passado. José Maria Costa destacou o trabalho desenvolvido por D. Anacleto Oliveira na causa da beatificação de São Bartolomeu dos Mártires, quer junto da Conferência Episcopal, quer junto da Santa Sé, na promoção da causa da beatificação.

Durante a receção, o Presidente da Câmara Municipal, José Maria Costa, ofereceu ao Núncio Apostólico o fac-símile da 1ª edição da obra “VIDA DE DOM FREI BERTOLAMEV DOS MARTYRES”, datada de 1619, que correspondeu ao primeiro livro editado em Viana do Castelo, produzido pela autarquia.

Quem é D. Ivo Scapolo?

O Arcebispo italiano D. Ivo Scapolo é núncio apostólico (embaixador da Santa Sé) em Portugal desde agosto de 2019. O responsável, que desde 2011 era o representante diplomático do Papa no Chile, sucede no cargo a D. Rino Passigato, que apresentou a sua renúncia após ter superado o limite de idade estabelecido no Direito Canónico.

  1. Ivo Scapolo nasceu em Terrassa (Pádua, Itália) a 24 de julho de 1953, tendo sido ordenado sacerdote a 4 de junho de 1978. Doutorado em Direito Canónico, entrou no serviço diplomático da Santa Sé a 1 de maio de 1984 e exerceu missão nas Representações Pontifícias em Angola, Portugal, Estados Unidos da América e na Secção para as Relações com os Estados da Secretaria de Estado do Vaticano.

Foi nomeado Núncio Apostólico na Bolívia a 26 de março de 2002, no Ruanda a 17 de janeiro de 2008 e no Chile a 15 de julho de 2011.

Na Diocese de Viana do Castelo D. Ivo Scapolo ordenou o sacerdote João Basto

Neste mesmo dia, o núncio apostólico em Portugal presidiu, na Catedral de Viana do Castelo, à ordenação sacerdotal de João Basto, evocando a memória de D. Anacleto Oliveira, bispo diocesano que faleceu a 18 de setembro do último ano.

Numa celebração com transmissão online, D. Ivo Scapolo desafiou o novo padre a cumprir com “coragem e fidelidade a missão profética de Cristo”, procurando sempre manter o “estudo e meditação da Palavra”, em sintonia com o Papa, numa vida de “reflexão e oração”.

O representante diplomático de Francisco manifestou “sentimentos de profunda alegria” pelo fim de um “caminho de discernimento” e de formação do jovem sacerdote, de 24 anos de idade.

“Decidi ordená-lo apesar de não ter a idade de 25 anos, a idade prevista, em geral, pelas normas canónicas”, explicou à assembleia.

O núncio apostólico evocou a pessoa e exemplo de D. Anacleto Oliveira, falecido num “trágico acidente rodoviário” a 18 de setembro de 2020, que “alterou intensa e inesperadamente a vida” da diocese do Alto Minho.

D. Ivo Scapolo falou do “empenho, seriedade, experiência e preparação” do falecido bispo, além de “profunda formação bíblica”, convidando a imitar alguém que, inspirado pelo exemplo de São Bartolomeu dos Mártires, promoveu uma “pastoral de proximidade, de encontro e de partilha”.

“Como embaixadores de Cristo, devemos trabalhar para a reconciliação das pessoas com Cristo”, sustentou.

João Eduardo Martins Basto, da Paróquia de Carreço, é membro da equipa formadora do Seminário Diocesano, diretor do Secretariado Diocesano da Comunicação Social e diretor do jornal Noticias de Viana.

Monsenhor Sebastião Pires lembra necessidade de vocações ao sacerdócio

Durante a celebração desta manhã, monsenhor Sebastião Pires, administrador diocesano, saudou o novo sacerdote e a sua família.

“A Diocese de Viana do Castelo está muito grata pela vossa generosidade”, referiu aos pais do padre João Basto.

O responsável desafiou os católicos do Alto Minho a mostrar “vivacidade” para caminhar enquanto comunidade católica, na “valorização, crescimento” da mais jovem diocese em Portugal.

“Precisamos de vocações ao sacerdócio”, apelou.

Além de agradecer pela presidência da celebração, mons. Sebastião Pires falou de meses marcados por “várias provações”, pedindo que o processo de escolha de um novo bispo para a diocese possa concluir-se “quanto antes”.

Natureza | Coração Azul apresenta 2ª edição de ‘Vizela Vale Encantado’

Moda | Lenços de Namorados de Vila Verde continuam a inspirar Concurso Internacional de Criadores de Moda

Imagens: (0) M VCT, (1) Diocese de Viana do Castelo

**

*

VILA NOVA, o seu diário digital

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco (preferencial), mbway ou paypal.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

MBWay: 919983484

Paypal: pedrocosta@vilanovaonline.pt

*

Obs: envie-nos os deus dados e na volta do correio receberá o respetivo recibo para efeitos fiscais ou outros.

*

Gratos pela sua colaboração.

*

Pub

Categorias: Sociedade

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.