Apoios municipais alargam apoios do Governo às empresas e empresários: ‘A Economia Local somos todos NÓS’

Consumo | Esposende estimula consumo no comércio local

Consumo | Esposende estimula consumo no comércio local

Pub

 

 

Esposende vai alargar o conjunto de medidas já em vigor no concelho para mitigar os danos às empresas locais, em especial da área do comércio, decorrentes da pandemia provocada pela Covid-19. Prepara-se, por isso, para lançar uma campanha de estímulo ao consumo no comércio e restaurantes locais, potenciando, desta forma, a atividade económica de empresários e comerciantes que enfrentam dificuldades económicas, decorrentes da pandemia provocada pela Covid-19.

Do conjunto de medidas de apoio preparadas pelo Município mantêm-se os incentivos fiscais e isenções municipais, nomeadamente, a isenção total do pagamento da Derrama a todas as empresas do concelho, isenção total das taxas de instalação de esplanada, isenção total das taxas de publicidade, isenção total das taxas de ocupação de espaço público e isenção total das taxas de comunicação de instalação de estabelecimentos comerciais. É intensão da autarquia manter estas isenções, pelo menos, até ao final do ano de 2021.

A todos estes incentivos junta-se, ainda, a aplicação da taxa mínima do IMI, de forma a apoiar transversalmente todas as famílias que residam no concelho.

 

Paralelamente a toda esta ajuda direta, o Município de Esposende, através da START Esposende, continuará a prestar apoio aos empresários, facultando informação sobre os apoios financeiros disponibilizados pelo Governo e/ou Fundos Comunitários.

Para além do apoio dado pela via de incentivos fiscais e isenções de taxas às empresas, o Município de Esposende aposta em várias iniciativas de apoio ao comércio tradicional, estando, a título de exemplo, contemplada uma arrojada campanha de estímulo ao consumo.

Parceria com a ACICE: prémios e vales-presente

Em parceria com a Associação Comercial e Industrial do Concelho de Esposende (ACICE), o Município lança o vídeo promocional da campanha, ao mesmo tempo que dissemina, de forma física e digital, a mensagem de apelo ao consumo “Este Natal o Comércio tradicional espera por si”. Esta campanha integra também a instalação da tradicional iluminação de Natal, como apoio à atividade económica durante esta quadra festiva.

Estão previstas iniciativas dirigidas especificamente ao apoio dos estabelecimentos comerciais, como a realização de um sorteio de Natal, onde as compras superiores a 20 €, no comércio tradicional, habilitarão os clientes a prémios em vales de compras no valor de 5.000,00 €.

Todos os prémios a sortear são convertidos em vales para descontar exclusivamente nos estabelecimentos aderentes do comércio tradicional do concelho de Esposende, revertendo assim o valor diretamente para os estabelecimentos aderentes.

Outra iniciativa assenta na possibilidade de aquisição, para oferta, de “Vales Presente” no valor de 25€, 50€ e 100€, que poderão ser trocados diretamente nos estabelecimentos aderentes do comércio tradicional de Esposende. Os vales estarão acessíveis na sede da ACICE e em outros pontos de venda assinalados.

Estes “Vales Presente” serão majorados como sinal de reconhecimento pelo consumo no comércio tradicional, valendo no momento da sua utilização nos estabelecimentos, 30€, 60€ e 120€, respetivamente.

A Economia Local somos todos NÓS

Para receber os clientes haverá decoração especial nas montras dos estabelecimentos comerciais que competirão num Concurso de Montras Sustentáveis, dedicadas à Quadra Natalícia e que serão fator de atratividade para adultos e crianças.

No âmbito destes apoios será, ainda, lançado o “Selo de Certificado de Origem dos Produtos de Esposende” que pretende criar uma marca identitária dos produtos com origem no concelho, permitindo a gestão integrada e uma maior capacidade promocional de tudo o que é produzido em Esposende, nomeadamente, produtos endógenos, hortícolas, vinhos, doçaria, entre outros.

Será também lançado um DESAFIO a todos os empresários do concelho, convidando-os a participar ativamente numa corrente de apoio, que se pretende que estimule o consumo no comércio tradicional de Esposende, incluindo os restaurantes.

O DESAFIO “A Economia Local somos todos NÓS” irá ainda mostrar a génese empreendedora e solidária dos empresários e de toda a comunidade do concelho, no apoio ao seu tecido comercial e restauração.

Este ano, mais do que nunca, escolha o comércio tradicional.

O comércio tradicional do concelho de Esposende espera por si.

**

*

VILA NOVA, o seu diário digital

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco (preferencial), mbway ou paypal.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

MBWay: 919983484

Paypal: pedrocosta@vilanovaonline.pt

*

Pub

Categorias: Sociedade

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.