‘Cities4Europe – Europe for citizens’: Braga na direcção da maior rede europeia de cidades

Diplomacia | Ricardo Rio eleito para comité da ‘Eurocities’

Diplomacia | Ricardo Rio eleito para comité da ‘Eurocities’

Pub

 

 

Ricardo Rio foi hoje eleito para um mandato de três anos no Comité Executivo da EUROCITIES, a maior rede europeia de cidades. A escolha foi anunciada no decurso da Assembleia Geral anual desta Associação, pela primeira vez realizada em formato digital.

Numa votação que decorreu digitalmente durante uma semana, Braga recolheu 54 votos (a terceira maior votação), tendo ficado com um dos quatro lugares vagos, para os quais concorreram nove cidades: Bilbau, Birmingham, Glasgow, Florença, Madrid, Oslo, Roterdão, Tallinn. Além de Braga, foram ainda reeleitas as cidades de Florença e Roterdão e eleita a cidade de Oslo.

Afirmação internacional da Cidade de Braga

“Esta é uma eleição muito relevante para a cidade de Braga, pois passamos a estar na direcção da maior e mais relevante rede de cidades europeias e que tem um impacto enorme junto das instituições europeias”, realçou Ricardo Rio. Por outro lado, “culmina também o nosso trabalho de afirmação internacional de Braga, que foi uma aposta clara desde que chegamos à gestão da Cidade”.

Braga aderiu à EUROCITIES em 2016 e tem participado activamente em diferentes grupos de trabalho e diversos fóruns. Ainda recentemente foi renomeada como responsável pelo Grupo de Trabalho das Pequenas e Médias Empresas e Empreendedorismo.

Por sua vez, Ricardo Rio foi um dos principais rostos das mais recentes iniciativas da rede, a campanha “Cities4Europe – Europe for citizens” e o compromisso com o Pilar dos Direitos Sociais da União Europeia.

Ajudar a definir políticas comunitárias fortalecendo o papel dos autarcas

Agradecendo o apoio das inúmeras cidades que apoiaram a candidatura de Braga, Ricardo Rio destacou que espera “ajudar a EUROCITIES a obter um maior envolvimento das cidades na definição das políticas comunitárias a nível europeu. Destacou também a necessidade de fortalecer o papel dos autarcas nos centros de decisão, não só em Bruxelas, mas também nas capitais de governo”. Por fim, concluiu afirmando que está certo que “ao estar sentado na Comissão Executiva junto de diversos colegas europeus irá fortalecer o papel de Portugal nesta rede”.

Esta eleição vem reforçar ainda mais a representatividade internacional de Braga e do seu autarca nas instâncias internacionais dos governos locais e regionais. A nível europeu, Ricardo Rio é membro do Comité das Regiões e membro do Comissão Executiva do Global Parliament of Mayors, além de Presidente da Associação de Cooperação transfronteiriça Eixo Atlântico do Noroeste Peninsular. É também um dos Champion Mayors for Inclusive Growth da OCDE.

A rede era até hoje presidida pela presidente de Estocolmo, Anna König Jerlmyr, tendo passado a pasta à cidade de Florença, liderada pelo autarca Dario Nardella, que é o novo presidente da rede. Fazem ainda parte do Comité Executivo os autarcas de Barcelona, Varsóvia, Leipzig, Gent, Liubliana, Nantes, Viena, Roterdão e Oslo.

Promover a inclusão das exigências urbanas nas políticas europeias

A EUROCITIES foi fundada em 1986 por seis grandes cidades: Barcelona, Birmingham, Frankfurt, Lyon, Milão e Roterdão. A organização pretende promover o intercâmbio das melhores práticas e representar os interesses das grandes cidades junto das instituições comunitárias, promovendo a inclusão das exigências urbanas nas políticas europeias. Integra actualmente 140 cidades de mais de 40 países, enquanto membros de pleno direito e mais 50 enquanto membros associados.

Prioridades de ação em 2021

Para 2021, tendo em conta a situação pandémica, a EUROCITIES tem como principais prioridades de acção:

·      pugnar pelo financiamento da recuperação das cidades, apoiando o acesso aos recursos da União Europeia (EU) e desenvolvendo um melhor conhecimento dos fundos comunitários para alcançarmos cidades saudáveis, prósperas e inclusivas, no caminho da neutralidade climática até 2050;

·      assegurar um quadro político da UE para uma transição verde, digital e justa que funcione para cidades e pessoas, apostando numa influência contínua das vertentes relevantes do Acordo Verde Europeu e da Europa Social;

·      prosseguir no posicionamento das cidades e da voz dos cidadãos a nível da UE, inclusive através da Conferência sobre o futuro da Europa, da agenda urbana e do aumento da atenção às cidades resilientes, que saem da crise.

Objetivos estratégicos da Eurocities

Estes elementos inserem-se no planeamento para 2021 preparado com os grupos de trabalho e fóruns, onde estão instituídos os objectivos estratégicos da EUROCITIES para os seus cidadãos:

·      participação numa sociedade inclusiva;

·      progressão numa economia local próspera;

·      mobilidade e residência num ambiente saudável;

·      desfrute de espaços públicos vibrantes e abertos;

·      serem governados por municípios que trabalhem os desafios globais;

·      possuírem governos municipais aptos para o futuro.

**

*

VILA NOVA, o seu diário digital

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público: diário digital generalista de âmbito regional, independente e pluralé gratuito para os leitores. Acreditamos que a informação de qualidade, que ajuda a pensar e a decidir, é um direito de todos numa sociedade que se pretende democrática.

Como deve calcular, a Vila Nova praticamente não tem receitas publicitárias. Mais importante do que isso, não tem o apoio nem depende de nenhum grupo económico ou político.

Você sabe que pode contar connosco. Estamos por isso a pedir aos leitores como você, que têm disponibilidade para o fazer, um pequeno contributo.

Enquanto Órgão de Comunicação Social, a Vila Nova tem custos de funcionamento, entre eles, e ainda que de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta e plural.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo – a partir de 1,00 euro – sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, poderá receber publicidade como forma de retribuição.

Caso pretenda efetuar uma assinatura de amigo, com a periodicidade que entender adequada, programe as suas contribuições. Estabeleça esse compromisso connosco.

Contamos consigo.

*

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Obs: Envie-nos o comprovativo da transferência e o seu número de contribuinte caso pretenda receber o comprovativo de pagamento, para efeitos fiscais.

*

Pub

Categorias: Sociedade

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.