Dia Mundial da Alimentação, 16 de outubro: a mudança no presente

‘Thought for Food’ – uma inspiração para o futuro da agricultura e da alimentação

‘Thought for Food’ – uma inspiração para o futuro da agricultura e da alimentação

Pub

 

 

A Thought For Food (TFF) é uma organização mundial dedicada a capacitar a próxima geração de inovadores e empreendedores em alimentação e agricultura, capacitando-os para gerar e dimensionar negócios inovadores que construam sistemas alimentares sustentáveis, inclusivos e resilientes.

Os jovens representam 28% da população mundial, sendo a geração mais diversificada, ávida de conhecimento, tecnológica e digitalmente experiente e globalmente conectada na história de toda a humanidade. Muitos jovens, todavia, deixaram de encarar a agricultura como uma profissão atrativa, o que resulta no decréscimo do número de agricultores. Apenas 11% das explorações agrícolas da União Europeia (UE) são geridas por agricultores com menos de 40 anos, enquanto 33% são geridas por pessoas com mais de 65 anos (CE, 2015) e em Portugal, 3,7% dos produtores agrícolas singulares têm menos de 40 anos (INE, 2016). Incentivar os jovens agricultores e assegurar a continuidade entre as gerações representa um verdadeiro desafio premente para o desenvolvimento rural, considerando que a produção mundial de alimentos precisa de ser duplicada até 2050 face ao crescimento populacional e à evolução dos hábitos alimentares.

Inspiração para o futuro da alimentação e agricultura

No Dia Mundial da Alimentação (16 de outubro, 15h00 UTC), convido-o a fazer parte de uma experiência interativa e global que o irá inspirar para o futuro da alimentação e agricultura. O Thought For Food: the 2020 Challenge Finale será uma transmissão em direto que conta as histórias de jovens empreendedores rurais de todo o mundo que apresentam soluções para os problemas urgentes da alimentação e agricultura. Dos 5.200 participantes de 175 países foram selecionadas 10 incríveis startups que se apresentam agora mundialmente após uma longa jornada de mentoria. Da produção animal à biotecnologia, as soluções revolucionárias são representadas pela Aglonera (Indonésia), Poultry Farmers Management Systems/PFMS (Camarões), Banoo (Indonésia), BumbleChain (Nova Zelândia/Canadá), CBA Sementes (Brasil), microTERRA (México), Neurafarm (Indonésia), SyntheSea (Malásia/Global), WTH Foods (Filipinas) e Xilinat (México).

O Thought For Food: the 2020 Challenge Finale será uma transmissão em direto que conta as histórias de jovens empreendedores rurais de todo o mundo que apresentam soluções para os problemas urgentes da alimentação e agricultura.

Agricultura, a maior alavanca para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Na Indonésia, por exemplo, os vendedores do mercado dos grandes aglomerados urbanos não são propriamente os produtores dos produtos. Levantam-se às 2 ou 3 da manhã para comprar produtos frescos no mercado abastecedor para que possam abrir a sua loja de manhã cedo, vendem a produção até à noite, dormem algumas horas e depois repetem novamente o mesmo procedimento dia após dia. A Aglonera ajuda os vendedores ambulantes, trazendo os alimentos diretamente dos agricultores, reduzindo o tempo de viagem necessário todas as manhãs, garantindo preços de mercado mais baratos, produtos mais frescos e uma renda, em geral, mais alta para os vendedores ambulantes.

A Xilinat, no México, por sua vez, desenvolveu um processo de fermentação biotecnológica que transforma resíduos agrícolas em xilitol, um substituto natural do açúcar e de baixa caloria encontrado nas fibras de muitos vegetais, incluindo o milho. O produto obtido ajuda a combater o diabetes, a obesidade e atende à crescente procura dos consumidores por alimentos nutritivos e saudáveis e diretamente a valorizar os resíduos.

Como produzimos os alimentos, como são consumidos e, também, por vezes desperdiçados, contribui significativamente para a sustentabilidade do planeta sendo que a agricultura é a maior alavanca para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

Dar Coisas aos Nomes | O direito ao segredo: lendo José Carlos Soares

**

*

VILA NOVA, o seu diário digital

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Como contribuir e apoiar a VILA NOVA?

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco (preferencial), mbway ou paypal.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

MBWay: 919983484

Obs: envie-nos os deus dados e na volta do correio receberá o respetivo recibo para efeitos fiscais ou outros.

Gratos pela sua colaboração.

*

Pub

Acerca do Autor

Comente este artigo

Only registered users can comment.