Resíduos de construção e demolição e de subprodutos passarão a ser aplicados em edifícios e infraestruturas de vias de comunicação

CirMat do dstgroup selecionado para promoção da economia circular

CirMat do dstgroup selecionado para promoção da economia circular

Pub

 

 

O projeto CirMat, da construtora bracarense dst, é um dos projetos selecionados pelo Ministério do Ambiente, no âmbito do concurso para a promoção da economia circular na construção, ao abrigo do programa EEA Grants Ambiente.

O inovador projeto da empresa sediada em Braga será implementado ao longo de dois anos e é coordenado pelo dstgroup, em conjunto com dois parceiros portugueses, a Universidade do Minho e o Instituto Superior Técnico, e um parceiro norueguês, a Norwegian University of Science and Technology.

O principal objetivo do CirMat – CIRcular aggregates for sustainable road and building MATerials – é o desenvolvimento industrial de materiais de construção inovadores a partir de resíduos de construção e demolição e de subprodutos, para demonstrar a sua aplicação em edifícios e infraestruturas de vias de comunicação. A par disso, propõe-se comunicar as vantagens ambientais, económicas e sociais deste tipo de produtos e materiais, nomeadamente através do desenvolvimento de Declarações Ambientais de Produto.

scholae linguae latinae - braga - curso livre - latim - professor andré antunes

Reduzir utilização de recursos naturais e reintroduzir resíduos e subprodutos na cadeia de valor

A indústria da construção apresenta uma utilização intensiva de matérias primas e recursos energéticos, sendo também um dos sectores que mais contribui para a produção de resíduos em toda a Europa. José Teixeira, presidente do Conselho de Administração do dst group, adianta que “a dst desenhou uma estratégia para o seu crescimento, de conciliação da sua atividade com o desenvolvimento sustentável. Este projeto pretende, nesse sentido, contribuir para um aumento da sustentabilidade no setor da construção através de uma mudança de paradigma com a implementação dos princípios da economia circular, por via do desenvolvimento industrial de produtos inovadores, assim como, através da disponibilização de Declarações Ambientais de Produto que demonstrem de forma unívoca o seu desempenho ambiental”.

Com o desenvolvimento destes produtos inovadores “queremos, por um lado, reduzir drasticamente a utilização de recursos naturais e produtos de levada intensidade energética e, por outro, potenciar a reintrodução de resíduos e de subprodutos na cadeia de valor, no âmbito do conceito de economia circular”, sublinha José Teixeira. A pressão para o desenvolvimento de processos e produtos com menor impacte ambiental é cada vez maior, pelo que “o desenvolvimento de produtos que incorporem quer resíduos quer subprodutos é o caminho do futuro para a construção sustentável”, conclui.

cirmat - dst - braga - indústria 4.0 - economia circular

O CirMat é financiado em 85%, no âmbito do programa EEA Grants Ambiente, que têm como objetivos reduzir as disparidades sociais e económicas na Europa e reforçar as relações bilaterais entre os países promotores – Islândia, Liechtenstein e Noruega – e os países beneficiários.

1ª Página. Clique aqui e veja tudo o que temos para lhe oferecer.vila nova online - 1ª página - finanças - europa - prr - joão leão - primeiro pagamento

Imagens: dst

VILA NOVA Online: conte connosco, nós contamos consigo.

Se chegou até aqui é porque considera válido o trabalho realizado.

Apoie a VILA NOVA. Efetue um contributo sob a forma de donativo através de netbanking, multibanco ou mbway.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91 — BIC/SWIFT: BESZ PT PL

MBWay: 919983484

Paypal: pedro costa@vilanovaonline.pt

Envie-nos os seus dados fiscais. Na volta do correio, receberá o respetivo recibo.

Gratos pelo seu apoio e colaboração.

*

Pub

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.