Instrumento solidário, o SNS constitui garante de segurança e confiança

Saúde | PS Famalicão congratula-se com 41º aniversário do SNS

Saúde | PS Famalicão congratula-se com 41º aniversário do SNS

 

 

 

“Temos orgulho no nosso Serviço Nacional de Saúde!” e “em todos os profissionais de saúde que têm dignificado, de forma abnegada e responsável, o SNS desde a sua criação”.

É desta forma que a Concelhia do Partido Socialista de Famalicão se congratula com o 41º aniversário do Serviço Nacional de Saúde, uma das mais relevantes conquistas da democracia portuguesa.

“A pandemia que nos está a afetar, veio trazer à evidência de todos o valor deste serviço público universal”. O PS famalicense lembra ainda que o SNS “constitui um garante de segurança e confiança, que tem um caráter social, que abrange todas as áreas da saúde e que é solidário”.

“A defesa do SNS cabe a cada um de nós enquanto cidadãos responsáveis”, conclui a estrutura socialista famalicense.

Um pouco de história 

A 15 de setembro de 1979 foi publicada, em Diário da República, a Lei nº 56/79 que criou o Serviço Nacional de Saúde (SNS), concretizando o direito à proteção da saúde, a prestação de cuidados globais de saúde e o acesso a todos os cidadãos, independentemente da sua condição económica e social, nos termos da Constituição.

Apesar das dificuldades e de todos os contratempos por que tem passado, o SNS gerou ganhos em saúde que têm colocado Portugal num lugar cimeiro a nível mundial no que se refere à qualidade de vida de milhões de cidadãos e reduziu muitas das desigualdades na sociedade portuguesa.

Ao longo deste tempo, Portugal manteve-se entre os países da OCDE com menores taxas de internamento por problemas de saúde sensíveis aos cuidados de saúde primários e à diminuição da incapacidade permanente. Temos ainda assistido ao aumento da esperança de vida saudável à nascença para homens e mulheres, à diminuição da percentagem de pessoas que consideram não ter as suas necessidades de saúde satisfeitas, bem como ao aumento da percentagem de portugueses que classificam a sua saúde como boa ou muito boa.

 

Fontes: PS, SNS; Imagem: PS

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais se podem referir, de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de mbway, netbanking ou multibanco.

MBWay: 919983484

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Categories: Política

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.