Mel – Piquenique das Artes apresenta também Fatspoon, Holy Nothing e The Last Internationale em Famalicão

Música | Sílvia Pérez Cruz promete concerto intimista inesquecível ao pôr do sol no Devesa Sunset

Música | Sílvia Pérez Cruz promete concerto intimista inesquecível ao pôr do sol no Devesa Sunset

 

 

A catalã Sílvia Pérez Cruz é o grande destaque do Devesa Sunset, este ano inserido no Anima-te, o programa de animação sociocultural que este ano levou a Famalicão nomes como Salvador Sobral, Márcia, Tiago Nacarato, Kátia Guerreiro, Noiserv, entre outros.

No seu primeiro concerto em Portugal após o período de confinamento provocado pela pandemia da Covid-19, Sílvia Pérez Cruz atua esta sexta-feira, dia 14, pelas 19h00, no Devesa Sunset,no Parque da Devesa, naquele que será um inesquecível e intimista concerto a solo, ao pôr do sol. A entrada é livre, mas com levantamento obrigatório de ingresso no próprio dia do espetáculo, no período das 3 horas que antecede o concerto.

“Uma das vozes mais interessantes de nosso tempo, Sílvia Pérez Cruz é um privilégio. Se folk, se flamenco, tanto faz, o que importa é sua entrega e intensidade. Intensidade!”, afirma Eliana de Castro, na FaustoMag, sobre esta cantora  de eleição que solta a sua voz em catalão, castelhano, galego e português.

“Basta ouvir Sílvia Pérez Cruz ao vivo (algo que os discos ainda não reproduzem na perfeição), para perceber que há tanto sangue e tantas lágrimas na forma como canta que toda a palavra sai transformada e, por momentos, ela tem-nos dentro da canção”, proclama, por seu lado Gonçalo Frota, no Público.

Nos seus discos, Sílvia Pérez Cruz interpreta quer composições próprias quer com canções de outros artistas. Mas a  compositora e intérprete “desenvolveu o interesse pelas artes não apenas na escola de música, mas também na escola de artes da sua mãe, Alartis (Espaço de Criação)”, o que se evidencia no registo que apresenta, salienta a MúsicaemDX. Nesse lugar existia espaço, recursos e liberdade, e conviviam várias disciplinas artísticas ao mesmo tempo: Sílvia recorda que nas turmas da sua mãe as crianças tinham que pintar com chocolate o que ela tocava no saxofone, ou o que a sua mãe na guitarra enquanto dava aulas de desenho. Assim é mais fácil entender que, ainda que a sua linguagem natural e a sua paixão seja a música, Sílvia Pérez Cruz sente um apelo grande pela arte no geral e sempre se propôs a encontros com outros artistas, para aprofundar e entender como cada linguagem artística pode contar uma mesma realidade”.

Em 2012, Sílvia Pérez Cruz gravou o seu primeiro disco, 11 de Novembre. De então para cá, continua a deliciar-nos com os seus álbuns a solo – Granada, Domus, Vestida de Nit -, mas também com imensas colaborações em registo de banda ou em discos de outros músicos.

Espetáculo a não perder.

O espaço está preparado para receber 882 pessoas e tem o selo “Clean & Safe” atribuído pelo Turismo de Portugal e pela Inspeção Geral das Atividades Culturais.

Anima-te agita Famalicão

Além de Sílvia Pérez Cruz, o Anima-te leva esta semana a Famalicão as bandas Fatspoon, Holy Nothing e The Last Internationale no contexto da realização do Mel – Piquenique das Artes.

Para lá dos concertos, o cinema ao ar livre preenche o programa desta quarta-feira à noite com o filme Mulherzinhas.

Em simultâneo com os concertos, no centro da cidade, continuam o Mercado Artesanal e as carrinhas de street food até setembro, o mesmo acontecendo com a proposta de realização de um conjunto de roteiros turísticos sobre diversas temáticas.

 

Obs: artigo editado em 11082020, 12h36, com inclusão de informação relativa a biografia, discografia e opinião sobre Sílvia Pérez Cruz.

Fonte: Município de Famalicão, FaustoMag, Público, MúsicaemDX, Casa da Música; Imagens: (0) Município de Famalicão, (1) Alex Rademakers

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos associados à manutenção e desenvolvimento na rede.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de transferência bancária.

MB Way: 919983484

Netbanking ou Multibanco:

NiB: 0065 0922 00017890002 91
IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91
BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Categories: Agenda, Cultura

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.