Viatura reforça manutenção preventiva da rede de saneamento em Guimarães e Vizela

Ambiente | Vimágua investe meio milhão de euros num hidrolimpador

Ambiente | Vimágua investe meio milhão de euros num hidrolimpador

Pub

 

 

A Vimágua, no seu esforço pelo desenvolvimento da prestação de um serviço público de excelência, adquiriu um hidrolimpador destinado a efetuar a limpeza preventiva, a desobstrução de coletores e a recolher os efluentes produzidos em fossas séticas, que exigiu um investimento de cerca de meio milhão de euros, na sequência de um concurso público internacional.

Este novo equipamento vem reforçar a capacidade de resposta da Vimágua no serviço de saneamento, nomeadamente, nas operações de manutenção preventiva dos cerca de 850km de extensão do complexo sistema de drenagem de águas residuais dos concelhos de Guimarães e Vizela. Está, ainda, adaptado para recolher e transportar os efluentes produzidos em fossas séticas.

A viatura tem capacidade para transportar até 8 mil litros de lamas, 5 mil litros de água reciclada e mil litros de água limpa. Está habilitada a aspirar os efluentes dos coletores que, através de um sofisticado sistema de filtragem e decantação produz a água que será utilizada para efetuar a limpeza e desobstrução dos coletores. A aspiração é efetuada com uma poderosa bomba de vácuo, com a capacidade de 3000 m3/h e a limpeza é assegurada por uma bomba de alta pressão que debita 413 l/min a 175 bar. Possui ainda uma bomba de alta pressão secundária destinada a pequenas limpezas com água limpa, com a capacidade de 50 l/min a 150 bar.

Hidrolimpador significa vantagens para o ambiente

O sistema de reciclagem da água residual tem como vantagem o facto de não recorrer ao tradicional abastecimento feito a partir da rede pública de água com o consequente acréscimo da sua rentabilidade funcional ao reduzir as deslocações para esse efeito. Do ponto de vista ambiental, salienta-se a dispensa do consumo de água potável, estimando-se uma poupança de água de cerca de 90.000 m3 por ano, a produção de menor volume de lamas, uma vez que estas são praticamente desidratadas, assim como, a redução do consumo de combustível e de emissões gasosas.

Este novo hidrolimpador vem, assim, reforçar de forma significativa a capacidade operacional da Vimágua.

 

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver; e não pagou por isso.

Vila Nova é cidadania e serviço público: diário digital generalista de âmbito regional, independente e pluralé gratuito para os leitores. Acreditamos que a informação de qualidade, que ajuda a pensar e a decidir, é um direito de todos numa sociedade que se pretende democrática.

Como deve calcular, a Vila Nova praticamente não tem receitas publicitárias. Mais importante do que isso, não tem o apoio nem depende de nenhum grupo económico ou político.

Você sabe que pode contar connosco. Estamos por isso a pedir aos leitores como você, que têm disponibilidade para o fazer, um pequeno contributo.

A Vila Nova tem custos de funcionamento, entre eles, ainda que de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta e plural.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo – a partir de 1,00 euro – sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, poderá receber publicidade como forma de retribuição.

Se quiser fazer uma assinatura com a periodicidade que entender adequada, programe as suas contribuições. Estabeleça esse compromisso connosco.

Contamos consigo.

*

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Obs: Envie-nos o comprovativo da transferência e o seu número de contribuinte caso pretenda receber o comprovativo de pagamento, para efeitos fiscais.

*

Pub

Categorias: Política

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.