De forma simbólica, cerimónia de inauguração acontece a 9 de julho, Dia da Cidade

Pandemia | Famalicão homenageia famalicenses com Praça da Cidadania

Pandemia | Famalicão homenageia famalicenses com Praça da Cidadania

Pub

 

 

A entrada principal do Parque da Devesa de Vila Nova de Famalicão, o grande cartão de visita da cidade, a partir de amanhã, 9 de julho, Dia da Cidade, vai passar a ser simbolicamente chamada de Praça da Cidadania e ostentará como elemento de homenagem aos famalicenses o símbolo do concelho e a palavra Famalicão em monobloco. A cerimónia acontece pelas 18h00.

Esta foi uma das formas que o Município de Famalicão encontrou para marcar o Dia da Cidade 2020, que se irá realizar este ano em circunstâncias muito especiais com uma grande homenagem coletiva do presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, ao território pela forma como Vila Nova de Famalicão soube reagir à pandemia da Covid-19.

 “O que é justo este ano é medalhar todos os famalicenses”, disse o autarca aquando a apresentação da proposta para as comemorações do Dia da Cidade 2020. “Os famalicenses deram e estão a dar uma resposta exemplar, não só ao nivel profissional – os profissionais da saúde, da segurança pública, os voluntários das corporações de bombeiros, mas também muitos profissionais de outras áreas, como a recolha do lixo,  o setor alimentar,  agricultores, indústrias e seus trabalhadores, transportadoras e seus motoristas de ligeiros e pesados, etc… -, mas também ao nível pessoal, pela forma como as pessoas souberam recolher-se ao confinamento familiar e sabem acatar as regras da DGS, ajudando desta forma a combater a propagação da Covid-19”.

Já há alguns dias, o município colocou também, na Torre do Relógio da sua Câmara Municipal um cartaz igualmente de felicitação aos famalicenses pelo seu comportamento durante a pandemia com o dizer: ‘Esta medalha é para si’.

 A cerimónia de homenagem será condicionada dada a situação de pandemia em que vivemos, sendo transmitida em direto através do facebook do município em https://www.facebook.com/municipiodevnfamalicao/

Fonte e Imagens: Município de Famalicão

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver; e não pagou por isso.

Vila Nova é cidadania e serviço público: diário digital generalista de âmbito regional, independente e pluralé gratuito para os leitores. Acreditamos que a informação de qualidade, que ajuda a pensar e a decidir, é um direito de todos numa sociedade que se pretende democrática.

Como deve calcular, a Vila Nova praticamente não tem receitas publicitárias. Mais importante do que isso, não tem o apoio nem depende de nenhum grupo económico ou político.

Você sabe que pode contar connosco. Estamos por isso a pedir aos leitores como você, que têm disponibilidade para o fazer, um pequeno contributo.

A Vila Nova tem custos de funcionamento, entre eles, ainda que de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta e plural.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo – a partir de 1,00 euro – sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, poderá receber publicidade como forma de retribuição.

Se quiser fazer uma assinatura com a periodicidade que entender adequada, programe as suas contribuições. Estabeleça esse compromisso connosco.

Contamos consigo.

*

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Obs: Envie-nos o comprovativo da transferência e o seu número de contribuinte caso pretenda receber o comprovativo de pagamento, para efeitos fiscais.

*

 

Pub

Categorias: Agenda, Sociedade

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.