Capacidade máxima limitada a 180 pessoas

Verão | Barcelos reabre piscinas exteriores

Verão | Barcelos reabre piscinas exteriores

Pub

 

 

Está marcada para o dia 1 de julho a reabertura ao público das piscinas municipais exteriores de Barcelos, cumprindo as diretrizes do Governo e da Direção-Geral de Saúde.

As piscinas exteriores estarão abertas até ao dia 13 de setembro, de segunda a domingo, com dois períodos de utilização – das 9h00 às 13h00 e das 15h00 às 19h00 – ambos limitados a uma capacidade máxima de 180 pessoas.

A utilização dos balneários está interdita e é obrigatória a passagem pelo chuveiro no acesso às piscinas. As espreguiçadeiras, por serem objetos que implicam o contacto com grande parte do corpo das pessoas, não poderão ser utilizadas, libertando a área para diferentes corredores de acesso para os utentes, com as dimensões que as orientações da Direção-Geral de Saúde indicam.

É ainda obrigatório o uso de máscara no corredor de entrada e casas de banho, a higienização das mãos na entrada das piscinas e a utilização de calçado nos chuveiros, nas instalações sanitárias e nas áreas de circulação do recinto, cumprindo a etiqueta respiratória e respeitando a sinalética existente no local.

No que diz respeito ao distanciamento físico, os utilizadores deverão manter uma distância mínima de dois metros na zona de atendimento e áreas de circulação e uma distância de três metros dentro de água.

As normas de abertura das piscinas exteriores foram preparadas em linha com a Orientação 030/2020 da Direção Geral da Saúde e o Despacho n.º 6134-A/2020. Estas regras serão devidamente afixadas no recinto e deverão ser cumpridas por todos que tenham acesso à piscina exterior.

Fonte e Imagens: Município de Barcelos

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver; e não pagou por isso.

Vila Nova é cidadania e serviço público: diário digital generalista de âmbito regional, independente e pluralé gratuito para os leitores. Acreditamos que a informação de qualidade, que ajuda a pensar e a decidir, é um direito de todos numa sociedade que se pretende democrática.

Como deve calcular, a Vila Nova praticamente não tem receitas publicitárias. Mais importante do que isso, não tem o apoio nem depende de nenhum grupo económico ou político.

Você sabe que pode contar connosco. Estamos por isso a pedir aos leitores como você, que têm disponibilidade para o fazer, um pequeno contributo.

A Vila Nova tem custos de funcionamento, entre eles, ainda que de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta e plural.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo – a partir de 1,00 euro – sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, poderá receber publicidade como forma de retribuição.

Se quiser fazer uma assinatura com a periodicidade que entender adequada, programe as suas contribuições. Estabeleça esse compromisso connosco.

Contamos consigo.

*

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Obs: Envie-nos o comprovativo da transferência e o seu número de contribuinte caso pretenda receber o comprovativo de pagamento, para efeitos fiscais.

*

Pub

Categorias: Sociedade

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.