Estabelecimentos procuram retomar a normalidade oferecendo motivos adicionais para incentivar procura

Consumo | ‘Prado Day’: comerciantes unem-se e dinamizam a vila

Consumo | ‘Prado Day’: comerciantes unem-se e dinamizam a vila

Pub

 

 

Em dia de Santo António, a manhã nasceu cinzenta, mas S. Pedro resolveu dar uma ajuda e o tempo manteve-se seco. Conforme previsto, aproveitaram os comerciantes da Vila de Prado para, numa iniciativa inédita, fazerem neste 13 de junho uma demonstração categórica da velha máxima ‘a união faz a força’.

E se bem o pensaram, melhor o fizeram. Deram-se mãos e uniram-se esforços para dinamizar o comércio local numa ação conjunta que envolveu dezenas de estabelecimentos. Aos convidativos descontos em todos os espaços aderentes juntou-se um rol de atrativos para abrilhantar a primeira edição do ‘Prado Day’, iniciativa do Comércio da Vila de Prado passará a ter periodicidade mensal.

Os horários foram alargados e as portas mantiveram-se abertas até às 21h00 para receber os visitantes com tranquilidade e segurança, dando cumprimento às regras estabelecidas pela Direção-Geral da Saúde.

Verde, vermelho, azul, amarelo, laranja…  Fitas, bolas e manjericos. As ruas cheias de cor contrastaram com o céu escuro. Durante a tarde, os estímulos visuais receberam a companhia musical de Rogério Braga que animou musicalmente o evento, deambulando pelas principais artérias da vila numa ação que literalmente foi música para os ouvidos de consumidores e lojistas, mas também dos residentes na zona.

Mas nem só do comércio viveu o ‘Prado Day’, também houve espaço para a solidariedade. Em iniciativa paralela, a Associação para a Defesa dos Animais e Ambiente de Vila Verde (ADAAVV) marcou presença no Largo de S. Sebastião, entre as 9h00 e as 18h00, com uma campanha de adoção de animais.

O ‘Prado Day’ vai, a partir de agora, passar a decorrer todos os meses, uma vez por mês. Para consultar os descontos e os espaços aderentes basta aceder ao website Eu compro em Prado. Os comerciantes contam com o apoio da Junta de Freguesia da Vila de Prado, da Câmara Municipal de Vila Verde e da Associação Empresarial do Vale do Homem.

Fonte e Imagem: Blogue do Minho

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver; e não pagou por isso.

Vila Nova é cidadania e serviço público: diário digital generalista de âmbito regional, independente e pluralé gratuito para os leitores. Acreditamos que a informação de qualidade, que ajuda a pensar e a decidir, é um direito de todos numa sociedade que se pretende democrática.

Como deve calcular, a Vila Nova praticamente não tem receitas publicitárias. Mais importante do que isso, não tem o apoio nem depende de nenhum grupo económico ou político.

Você sabe que pode contar connosco. Estamos por isso a pedir aos leitores como você, que têm disponibilidade para o fazer, um pequeno contributo.

A Vila Nova tem custos de funcionamento, entre eles, ainda que de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta e plural.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo – a partir de 1,00 euro – sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, poderá receber publicidade como forma de retribuição.

Se quiser fazer uma assinatura com a periodicidade que entender adequada, programe as suas contribuições. Estabeleça esse compromisso connosco.

Contamos consigo.

*

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Obs: Envie-nos o comprovativo da transferência e o seu número de contribuinte caso pretenda receber o comprovativo de pagamento, para efeitos fiscais.

*

Pub

Categorias: Sociedade

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.