Entre outras infraestruturas na zona central da vila, espaço poderá vir a receber a nova USF

Urbanismo | Vai nascer obra na antiga Estamparia Rafael de Joane

Urbanismo | Vai nascer obra na antiga Estamparia Rafael de Joane

Pub

 

 

Os terrenos da antiga estamparia Rafael, em Joane, vão dar lugar a uma nova área central na vila famalicense destinada à habitação, comércio e serviços, com um novo espaço verde para utilização recreativa, desportiva e de lazer com ligação ao Parque da Ribeira.

A novidade foi avançada ontem pelo Presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, que esta quarta-feira, 3 de junho, iniciou em Joane um novo ciclo de visitas às freguesias do concelho para tomar o pulso à realidade comunitária a partir do terreno.

O edil avançou ainda a possibilidade do espaço vir a receber um equipamento de saúde pública, referindo que existe já “um princípio de entendimento com a Administração Regional de Saúde do Norte para aí sediar a nova USF de Joane”.

Depois de vários anos sem acordo entre o proprietário do terreno, a Junta de Freguesia de Joane e a Câmara Municipal de Famalicão, Paulo Cunha referiu ontem que o processo “está agora muito perto da sua conclusão” e que “os joanenses podem estar seguros de que vão ter uma solução ótima que vai permitir que aquele espaço tenha a atratividade que merece”.

E acrescenta: “Este processo representa o fechar do planeamento urbanístico desta zona central de Joane”.

Naturalmente satisfeito com o desfecho deste processo está também o presidente da Junta de Freguesia de Joane, António Oliveira. “O problema tem décadas e este projeto é essencial para que o centro de Joane ganhe mais dignidade”.

Este foi, de resto, um dos muitos temas abordados na visita de ontem do edil à vila de Joane, que levou o autarca a conferir as obras mais relevantes realizadas nos últimos tempos na freguesia e os pontos onde estão priorizadas intervenções e a visitar algumas instituições locais, nomeadamente o Centro Social e Paroquial da freguesia e o recinto do Grupo Desportivo de Joane.

Paulo Cunha aproveitou ainda para deixar uma nota pública de agradecimento aos autarcas de freguesia, “que no atual quadro pandémico tiveram e têm um desempenho relevante”; sinalizar e identificar as necessidades das várias freguesias, visitar a obra feita e tomar o pulso à cidadania e associativismo na sociedade são os principais objetivos deste novo périplo.

 

Fonte e Imagens: Município de Famalicão

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver; e não pagou por isso.

Vila Nova é cidadania e serviço público: diário digital generalista de âmbito regional, independente e pluralé gratuito para os leitores. Acreditamos que a informação de qualidade, que ajuda a pensar e a decidir, é um direito de todos numa sociedade que se pretende democrática.

Como deve calcular, a Vila Nova praticamente não tem receitas publicitárias. Mais importante do que isso, não tem o apoio nem depende de nenhum grupo económico ou político.

Você sabe que pode contar connosco. Estamos por isso a pedir aos leitores como você, que têm disponibilidade para o fazer, um pequeno contributo.

A Vila Nova tem custos de funcionamento, entre eles, ainda que de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta e plural.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo – a partir de 1,00 euro – sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, poderá receber publicidade como forma de retribuição.

Se quiser fazer uma assinatura com a periodicidade que entender adequada, programe as suas contribuições. Estabeleça esse compromisso connosco.

Contamos consigo.

*

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Obs: Envie-nos o comprovativo da transferência e o seu número de contribuinte caso pretenda receber o comprovativo de pagamento, para efeitos fiscais.

*

Pub

Categorias: Sociedade

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.