Evento do Curso de Relações Internacionais da Universidade do Minho acontece há mais de 40 anos

Guerra | ‘War Play’: jogos de guerra são tema de Colóquio internacional organizado na Universidade do Minho

Guerra | ‘War Play’: jogos de guerra são tema de Colóquio internacional organizado na Universidade do Minho

Pub

 

 

O CECRI – Centro de Estudos do Curso de Relações Internacionais da Universidade do Minho, de Braga, vai realizar a XLI edição dos Colóquios de Relações Internacionais, que terão lugar nos próximos dias 5 e 6 de maio. O tema desta edição será “War Play: When the Curtain Has Fallen”. Vamos revelar o backstage das Guerras aquando da caída da Cortina de Ferro, um dos maiores símbolos da entrada num novo século.

Ao analisar a chamada “4th generation warfare”, iremos ver e analisar os diferentes atores, as suas diferentes formas de atuação, as repercussões e as implicações legais destas novas formas de guerra. Tudo isto a partir de diferentes visões e contributos de oradores e investigadores da área, tanto portugueses como estrangeiros. Este ano, o CECRI orgulha-se em fazer chegar à academia minhota os contributos de oradores oriundos dos EUA e Israel. Todas as novidades serão prontamente reveladas, assim como o programa com os horários dos painéis.

Até ao presente momento, encontram-se anunciadas os seguintes painéis e participantes na edição 2020 deste evento:

Painel: “O personagem em mudança da Guerra – Grandes atores com grandes poderes”, com General António Fontes Ramos e Jovana Ranito

O Tenente-General António Fontes Ramos foi o representante militar de Portugal no Comitê Militar da NATO e da União Europeia, Diretor de Administração e Mobilização do Pessoal do Exército, Chefe da Divisão de Operações do Exército, Chefe da Secção Estratégia e Professor de Tácticas e Informação no Instituto de Estudos Militares Altos. Atualmente é professor visitante no Instituto de Estudos Políticos da Universidade Católica Portugal, na Escola de Ciências Sociais e Políticas na Universidade Católica de Moçambique e no Instituto de Democracia e Desenvolvimento de Cabo Verde. Também é vice-presidente da EuroDefense Portugal e membro da Secção de Estudos Militares da Sociedade Geográfica de Lisboa.

Jovana Jezdimirovic Ranito tem um diploma em Relações Internacionais pela Universidade de Coimbra e está atualmente no departamento pós-doutorado de História e Estudos Políticos e Internacionais no Porto. Jovana Ranito faz pesquisa em Estudos de Segurança, Relações Internacionais, Política Externa, Ciências Políticas e Política Comparativa. Entre várias contribuições que ela tem feito nesta área científica, seu livro “Regulando os contratantes de Segurança Private dos EUA” destaca-se. Em 2018, distinguiu-se com a “Melhor Dissertação de Doutorado 2016-2018” pela Associação Portuguesa de Ciências Políticas.

Keynote Speakers: Coronel Luís Barroso, com “Isto é a Guerra!… Não é? – Um reflexo sobre as Novas Guerras “, e Robert Anthony Pape, com “Morrendo para matar – terrorismo suicídio como instrumento de guerra”

O Coronel Luís Barroso tem um doutorado em História, Defesa e Relações Internacionais da ISCTE, Lisboa. É professor na Academia Militar e é o Comandante do Regimento de Apoio Militar de Emergência. O Coronel Barroso tem 26 publicações, entre as quais se destacam: “Relações Civil-Militares e o Uso da Força : Uma Perspectiva Clausewitzian”. Recebeu 9 prémios científicos e militares, como o National Defesa Award, em 2012, e o Prémio Científico ISCTE-IUL, em 2018.

Por seu turno, o Professor Robert Anthony Pape é professor de Ciências Políticas na Universidade de Chicago, especializado em assuntos internacionais de segurança, e diretor do Projeto de Segurança e Ameaças de Chicago. O seu trabalho atual foca-se nas causas do terrorismo suicídio e na política da unipolaridade, sendo autor de livros como ” Cortar o Fuse: A Explosão do Terrorismo Global Suicide e How to Stop It ‘ e ‘ Bombardeamento para ganhar: Air Power and Coercion in War ‘ .

Os Colóquios são um evento que está ligado ao ADN do CECRI, proporcionando ao longo da sua história debates internacionais de extrema relevância, com a exemplar tradição de contar com especialistas nacionais e internacionais. Este acontece ininterruptamente há 40 anos, sendo o mais antigo do país na área das Relações Internacionais. Este ano não podia ser diferente. Todavia, num formato nunca antes adotado. Devido à pandemia do Covid-19, e assumindo responsabilidade pela saúde da comunidade académica, o CECRI adaptou-se aos desafios dos dias de hoje e decidiu transmitir os Colóquios via livestream. Estará aberto a toda comunidade académica e não académica, e será transmitido utilizando a plataforma ZOOM, através também de uma janela do respetivo site.

Outra novidades serão anunciadas em breve.

 

Fonte e Imagens: (0) David McLeod, (1, 2, 3, 4, 5) CECRI

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público: diário digital generalista de âmbito regional, independente e pluralé gratuito para os leitores. Acreditamos que a informação de qualidade, que ajuda a pensar e a decidir, é um direito de todos numa sociedade que se pretende democrática.

Como deve calcular, a Vila Nova praticamente não tem receitas publicitárias. Mais importante do que isso, não tem o apoio nem depende de nenhum grupo económico ou político.

Você sabe que pode contar connosco. Estamos por isso a pedir aos leitores como você, que têm disponibilidade para o fazer, um pequeno contributo.

Como qualquer outra, a Vila Nova tem custos de funcionamento, entre eles, ainda que de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta e plural.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo – a partir de 1,00 euro – sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, poderá receber publicidade como forma de retribuição.

Se quiser fazer uma assinatura com a periodicidade que entender adequada, programe as suas contribuições. Estabeleça esse compromisso connosco.

Contamos consigo.

*

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

Obs: Envie-nos o comprovativo da transferência e o seu número de contribuinte caso pretenda receber o comprovativo de pagamento, para efeitos fiscais ou outros.

*

Pub

Categorias: Agenda, Cultura

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.