Grupos amadores do concelho apresentam resultados do Crearte no Auditório Municipal

Teatro | FestiAma regressa a Esposende em fevereiro e março

Teatro | FestiAma regressa a Esposende em fevereiro e março

 

 

Em Esposende acontece, nos meses de fevereiro e março, a quarta edição do FESTIAMA – Festival de Teatro Amador de Esposende, com a apresentação de seis espetáculos no Auditório Municipal.

O certame, que acontece no âmbito do programa municipal CREARTE – Crescimento da Arte Teatral em Esposende, desenvolvido pelo Município, colocará em palco os seis grupos de teatro amador do concelho, designadamente o GARFO – Grupo de Artes Recreativas de Fonte Boa, Boca de Cena (grupo infantil e juvenil), GATA – Grupo de Teatro Amador de Fão, JUM – Juventude Unida de Marinhas, GATERC – Grupo Amador de Teatro Esposende-Rio Cávado e Forjães em Cena.

Estes grupos têm vindo a trabalhar sob a orientação do encenador e formador Jorge Alonso e de Hugo Direito Dias, constituindo o FESTIAMA uma oportunidade para apresentarem o resultado da formação, ou seja, as peças produzidas, o que lhes possibilita, também, a oportunidade de adquirir ferramentas relativas à organização de um espetáculo.

O Festival de Teatro Amador arranca no fim-de-semana de 8 e 9 de fevereiro, com a apresentação do GARFO, que levará à cena a peça “A Talha”, de Luigi Pirandello. Nos dias 29 de fevereiro e 1 de março, será a vez do grupo infantil e juvenil Boca de Cena se apresentar em palco, com a peça “Seda”, de Hugo Direito Dias e, nos dias 7 e 8 de março, o GATA exibirá a sua produção, “As intermitências da morte”, baseado na obra homónima de José Saramago. Segue-se, nos dias 14 e 15 de março, a JUM, com a peça “Ensaio Geral”, de Vitor Gabriel, nos dias 21 e 22, o GATERC apresenta “Os Gansos”, baseado na peça “Old Saybrook” de Woody Allen e, por fim, no último fim de semana de março, dias 28 e 29, o grupo Forjães em Cena fará a apresentação de “Eu(Génio)!”, baseado na peça “Gennariello” de Eduardo de Filippo.

Ao sábado, os espetáculos decorrem às 21h30, e, ao domingo, às 16h30. A aquisição de bilhetes, cujo custo é de 3 euros, poderá ser efetuada nas Piscinas Foz do Cávado, no Auditório Municipal de Esposende, uma hora antes nos dias dos espetáculos, e na bilheteira online.

Este evento enquadra-se nos eixos dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030 da ONU, cujo cumprimento o Município de Esposende assumiu no âmbito do seu plano de ação.

Fonte e Imagens: Município de Esposende

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais se podem referir, de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, o seu contributo pode também ter a forma de publicidade.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Categories: Agenda, Cultura

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.