Encargos com iluminação pública deverão também reduzir

Obras Municipais | Barcelos projeta eficiência energética

Obras Municipais | Barcelos projeta eficiência energética

Pub

 

 

A Câmara Municipal de Barcelos aprovou o projeto de execução que integra a candidatura do Município ao programa Norte-03-214-42 Eficiência Energética nas Infraestruturas Públicas da Administração Local, no âmbito do PDCT (Pacto de Desenvolvimento e Coesão Territorial), gerido pela CIM Cávado.

O aviso deste programa tem em vista o apoio a projetos que contemplem a implementação de medidas de eficiência energética nas infraestruturas e equipamentos da Administração Local, com recurso a subvenção reembolsável, estabelecendo como elegível a tipologia de operações referentes às intervenções nos sistemas de iluminação pública.

No projeto, elaborado pelos técnicos do Município, prevê-se a substituição de luminárias com  fonte de luz tipo lâmpadas de descarga por luminárias com fonte de luz de tecnologia LED, obtendo, assim, uma maior eficiência dos pontos de luz instalados e uma redução significativa dos encargos com a iluminação pública sem afetar qualidade da mesma.

Com base nos cadastros de iluminação pública das entidades fornecedoras no concelho de Barcelos, (EDP e CEVE), existirão 34.282 pontos de luz. Do levantamento efetuado, quantificaram-se 6.273 luminárias a substituir, bem como a necessidade de substituição de 2.000 braços.

Prevê-se um investimento total de 1.203.869,26€ (valor com IVA), para um apoio de 1.143.675,80€, correspondente a 95% do investimento, sendo que os restantes 5% são assegurados pelo Município. A poupança anual esperada é de 270 mil euros e um prazo máximo de seis anos para o reembolso.

Fonte: Município de Barcelos; Imagens: (0) João Sousa, (1) Município de Barcelos

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais se podem referir, de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, o seu contributo pode também ter a forma de publicidade.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Pub

Categorias: Local, Sociedade

About Author

Write a Comment

Only registered users can comment.