Envolvimento e participação da sociedade civil na vida pública são face visível da mudança

Educação | Barcelos quer ‘Escutar a Cidade para a Transformar’ em Dia Internacional da Cidade Educadora

Educação | Barcelos quer ‘Escutar a Cidade para a Transformar’ em Dia Internacional da Cidade Educadora

Pub

 

 

Celebra-se no próximo dia 30 de novembro o Dia Internacional da Cidade Educadora, cujo tema deste ano é “Escutar a Cidade para a Transformar“.

Nesse sentido, no Agrupamento de Escolas Rosa Ramalho, de Barcelinhos,  com a colaboração do Município de Barcelos, irá realizar dois fóruns com os alunos do 2º e 3º ciclo, nos dias 27 e 28 de novembro de 2019, às 9h30, na Biblioteca do Agrupamento de Escolas Rosa Ramalho.

A iniciativa terá como objetivo a partilha da perceção dos jovens sobre a cidade e do que gostariam de transformar.

Barcelos, integrada na rede das Cidades Educadoras, vem permitindo uma nova forma de ver e pensar a cidade, bem como a integração da necessidade de um esforço maior para criar, pela via da educação, da cultura e das políticas sociais, as condições e o ambiente perfeitos para o crescimento de cada um, num contexto de respeito por todos e num movimento contínuo de desenvolvimento sincronizado de toda a comunidade e de todo o território.

O crescente envolvimento e participação da sociedade civil na vida pública da cidade e do concelho são a face visível duma mudança que se avoluma e que continuará a crescer em Barcelos, rumo à plenitude dos princípios da Carta das Cidades Educadoras.

Fonte e Imagem: Município de Barcelos

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais se podem referir, de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, o seu contributo pode também ter a forma de publicidade.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Pub

Categorias: Agenda, Sociedade

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.