Maria José Fernandes coordenou Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses de 2018

Finanças | Barcelos lidera eficiência financeira no distrito e melhora graduação a nível nacional

Finanças | Barcelos lidera eficiência financeira no distrito e melhora graduação a nível nacional

Pub

 

 

O Município de Barcelos volta a liderar o ranking dos municípios do Distrito de Braga com melhor eficiência financeira em 2018, mantendo a posição que já ocupava em 2017, e sobe para sétimo a nível nacional, segundo o Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses divulgado no dia 30 de outubro.

O documento seleciona um conjunto de 11 indicadores sobre a situação financeira dos municípios, a partir dos quais são avaliados e dentro da respetiva dimensão (grandes: 24, médios: 98, e pequenos: 186).

Barcelos é considerado um grande município, situando-se em 7.º lugar a nível nacional entre os da sua dimensão e em 42.º lugar no conjunto dos 308 municípios do país, quanto à eficiência financeira.

Esta posição melhora em relação à análise de 2017, ano em que obteve o 9.º lugar, e em relação a 2016, quando obteve o 11.º lugar entre os municípios de grande dimensão.

A nível distrital, Barcelos repete em 2018 o lugar obtido em 2017, isto é, o primeiro entre os grandes e também na globalidade de todos os municípios do distrito, com uma pontuação destacada em relação aos demais.

No plano nacional verifica-se uma melhoria global assinalável dos municípios quanto aos seus indicadores financeiros, registando-se um superavit de 466 milhões de euros, diminuição da dívida e redução de tempo de pagamento a fornecedores, estabilização da independência financeira, entre outros.

O Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses teve a sua primeira edição em 2005, e foi coordenada pelo Professor João Carvalho, ex presidente do IPCA, com o apoio da Ordem dos Contabilistas Certificados.

Maria José Fernandes, presidente do IPCA, assume pela primeira vez a coordenação do estudo, que conta com a colaboração do Tribunal de Contas, da Ordem dos Contabilistas Certificados, do IPCA, do Centro de Investigação em Contabilidade e Fiscalidade e da Universidade do Minho.

 

Fonte e Imagem: Município de Barcelos

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é cidadania e serviço público.

Diário digital generalista de âmbito regional, a Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos, entre os quais se podem referir, de forma não exclusiva, a manutenção e renovação de equipamento, despesas de representação, transportes e telecomunicações, alojamento de páginas na rede, taxas específicas da atividade.

Para lá disso, a Vila Nova pretende pretende produzir e distribuir cada vez mais e melhor informação, com independência e com a diversidade de opiniões própria de uma sociedade aberta.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de donativo através de netbanking ou multibanco. Se é uma empresa ou instituição, o seu contributo pode também ter a forma de publicidade.

NiB: 0065 0922 00017890002 91

IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91

BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Pub

Categorias: Economia, Política

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.