Aumentar salários e diminuir horários permitirá melhorar qualidade de vida das populações

Legislativas | José Maria Cardoso: Bloco pretende valorização dos direitos dos trabalhadores

Legislativas | José Maria Cardoso: Bloco pretende valorização dos direitos dos trabalhadores

Pub

 

 

O Bloco de Esquerda esteve, na tarde desta segunda-feira, reunido com a União dos Sindicatos de Braga, para conhecer um caderno reivindicativo destes representantes dos trabalhadores e apresentar as propostas do partido na área laboral.

No final do encontro, José Maria Cardoso, cabeça de lista por Braga, afirma que “o Bloco acompanha as exigências destes sindicatos, que propõem a valorização dos direitos dos trabalhadores, nomeadamente o aumento dos salários, e a alteração da distribuição da riqueza produzida de forma a promover a igualdade”.

O candidato a deputado destaca a necessidade de “reverter as normas da troika na legislação laboral, recuperando a contratação coletiva, para aumentar a capacidade reivindicativa dos trabalhadores e, consequente, assegurar a melhoria dos seus direitos”.

O bloquista critica ainda “as alterações à lei efetuadas pelo PS, PSD e CDS, no final da legislatura, que universalizou os contratos de muito curta duração a todos os setores da economia e alargou o aumento do período experimental para 180 dias para jovens à procura do primeiro emprego e desempregados de longa duração, situação que levará o Bloco, em conjunto com o PCP e o PEV, a solicitar a avaliação da constitucionalidade da medida ao Tribunal Constitucional”.

“A melhoria da qualidade de vida da população só é conseguida através da diminuição do horário para as 35 horas, no público e no privado, e o aumento geral dos salários, por isso, é tão importante o aumento do salário mínimo para 650 euros em 2020 e de 5% nos seguintes, para puxar pelos restantes níveis salariais”, refere José Maria Cardoso e acrescenta “é importante também valorizar as longas carreiras contributivas e os trabalhadores por turno”.

Fonte e Imagem: BE

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

A Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos associados à manutenção e desenvolvimento na rede.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de transferência bancária.

MB Way: 919983484

Netbanking ou Multibanco:

NiB: 0065 0922 00017890002 91
IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91
BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Pub

Categorias: Política

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.