Exposições e oficinas integram programa até final do ano com destaque para a criação de núcleo permanente de Alberto Sampaio

Património | Loja inclui roteiro de programação d’ A Oficina de Guimarães

Património | Loja inclui roteiro de programação d’ A Oficina de Guimarães

Pub

 

 

A programação na área do Património e Artesanato promovida pel’A Oficina manifesta-se de forma crescente na sua loja, situada na Rua da Rainha Dª. Maria II, em pleno coração histórico da cidade de Guimarães. Para além de ser um espaço privilegiado de aquisição de algumas das melhores peças de artesanato de produção local, como o Bordado de Guimarães e a Cantarinha dos Namorados, a Loja Oficina passa a integrar o roteiro da programação levada a cabo pela cooperativa vimaranense, recebendo exposições de artesanato e oficinas regulares. A Loja Oficina, irá inaugurar, no dia 14 de setembro, uma exposição de António Silva, e, cerca de uma semana mais tarde, no dia 23, realiza-se a primeira oficina dedicada à pintura sobre azulejo. Em novembro, a Loja irá, ainda, acolher um novo núcleo expositivo permanente dedicado à figura de Alberto Sampaio, entre outras novidades.

 

 

A Loja Oficina, espaço recentemente renovado e localizado no centro histórico de Guimarães – onde é possível encontrar peças de artesanato de produção local e, ainda, assistir a todo o processo artesanal da manufatura do Bordado de Guimarães e da Cantarinha dos Namorados, através das artesãs que ali trabalham diariamente –, passa a fazer parte dos espaços vividos pela programação regular da cooperativa vimaranense A Oficina, cuja missão inclui desde a sua génese a preservação e promoção das artes e mesteres tradicionais de Guimarães.

Neste mês de setembro, a Loja Oficina inaugura uma exposição de António Silva, no dia 14, às 17h00. António Silva é um artesão com ateliê em Aldão, que se entusiasmou pela prática do modelismo tornando-se num especialista em réplicas de embarcações históricas. É também um explorador da manufatura de instrumentos musicais de corda. Com entrada livre, no horário de funcionamento da Loja, de segunda-feira a sábado, a exposição poderá ser visitada até 1 de dezembro.

Nos dias 23 de setembro (17h00) e 26 de outubro (15h00), será também possível frequentar uma Oficina de Azulejo com recursos à técnica do esgrafitado, em que o Bordado de Guimarães será o principal motivo. A orientação desta oficina está a cargo de Cristina Vilarinho, designer gráfica e ceramista há mais de uma década. As inscrições podem ser efetuadas pelo valor de 2 euros, através do telf. 253 515 250 ou do e-mail loja@aoficina.pt.

O nº 132 da Rua da Rainha Dª. Maria II – onde se localiza a Loja Oficina – é um edifício com memória, pois nele nasceu uma das mais importantes figuras da segunda metade do século XIX português: Alberto Sampaio (1841-1908). Simbolicamente, no dia do seu aniversário, a 15 novembro, será inaugurado um núcleo expositivo permanente sobre a sua figura, que será também o mote para um percurso pela cidade oitocentista em busca dos lugares que marcam as suas memórias.

No final do ano, a 13 de dezembro, é inaugurada uma exposição de Fernanda Braga, uma das guardiãs da arte de erguer a Cantarinha dos Namorados e uma das mais profícuas ceramistas vimaranenses. Esta exposição, também com entrada livre e aberta a todas as idades, dá um olhar sobre o seu trabalho, podendo ser visitada até fevereiro do próximo ano.

Recordamos que A Oficina, cooperativa que em 2019 assinala 30 anos de existência, surgiu em 1989 e é hoje uma ferramenta de amplo desenvolvimento cultural, próxima do território e em contacto com o mundo, que assume múltiplas valências e projetos, nomeadamente a gestão e programação de vários equipamentos culturais, a forte e crescente aposta no apoio à criação, entre várias outras frentes de atuação.

 

Fonte e Imagens: AO

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

A Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos associados à manutenção e desenvolvimento na rede.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de transferência bancária.

MB Way: 919983484

Netbanking ou Multibanco:

NiB: 0065 0922 00017890002 91
IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91
BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Pub

Categorias: Cultura, Sociedade

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.