Desafios e soluções para um turismo de futuro

Negócios | Posicionar Portugal como um dos destinos turísticos mais competitivos e sustentáveis do mundo

Negócios | Posicionar Portugal como um dos destinos turísticos mais competitivos e sustentáveis do mundo

Pub

 

 

O ISQ organiza, a 9 de setembro com o apoio do Turismo de Portugal, um debate nacional sobre a sustentabilidade no setor do turismo. Este evento, que tem lugar na Estufa Fria, em Lisboa, visa apresentar soluções de eficiência ambiental e energética para posicionar Portugal como um dos destinos turísticos mais competitivos e sustentáveis do Mundo.

 

 

Sob o mote Towards a Sustainable Tourism Industry “vamos apresentar soluções concretas de sustentabilidade para o setor do turismo, de forma a que esta indústria esteja na linha da frente das preocupações com o desenvolvimento sustentável e com novos procedimentos nos modelos de negócio e nas operações”, frisa Pedro Matias, Presidente do ISQ.

Para tal, “contamos com a presença de diversos players da indústria do turismo nacional e internacional que irão partilhar casos de sucesso e com as soluções de eficiência energética, ambiental e monitorização ambiental do Grupo ISQ e de empresas nossas participadas como a DBWave ou a Sondar”. Pretende-se que o debate “aponte soluções que permitam o cumprimento dos indicadores relacionados com a sustentabilidade ambiental e energética, alinhados com a Estratégia Turismo 2027”, complementa o Presidente do ISQ.

O evento contará com um espaço de exposição permanente de empresas decorrendo, em simultâneo, ao longo do dia, sessões temáticas sobre Eficiência Energética e Ambiental, Sustentabilidade Social, Instrumentos de Apoio Financeiro e Vantagem Competitiva da Certificação, sendo possível a intervenção do público com perguntas aos oradores.

O Presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo destaca a este propósito que “afirmar Portugal como destino sustentável, inovador e competitivo, com base num território coeso e onde trabalho e talento são valorizados, é um propósito de todo o setor. Mas a sua concretização só tem vindo a ser possível com a incorporação que as empresas têm feito de soluções, métodos e ferramentas que tornem os seus processos mais eficientes do ponto de vista do uso dos recursos. E é precisamente este o objetivo da conferência: promover a partilha do conhecimento sobre boas práticas de sustentabilidade no turismo e, sobretudo, o encontro entre detentores de soluções relacionadas com sustentabilidade e empresas turísticas, potenciando a capacidade de adoção por parte destas últimas de práticas que, globalmente, contribuam para atingir os objetivos da Estratégia Turismo 2027”.

O ISQ possui soluções de sustentabilidade energética para o sector do turismo que podem ajudar no planeamento e na inovação da atividade turística, prestando serviço às empresas e às organizações. De entre eles, merecem destaque: o projeto EETUR – Eficiência Energética em Empreendimentos Turísticos da Região do Algarve – que tem vindo a promover a transferência de conhecimento científico e tecnológico na área da eficiência energética e energias renováveis nos empreendimentos turísticos; o plano de eficiência energética implementado no Corinthia Hotel Lisbon – considerado o melhor projeto da Europa, pela utilização de soluções particulares de engenharia desenhadas à medida, que permitiram obter nos primeiros seis meses uma redução do consumo de energia superior a 25% (correspondente a 600.000 kWh e 290 toneladas de CO2); e, mais recentemente, o “Manual de Auditorias Energéticas na Indústria”, desenvolvido para a ADENE – que visa contribuir para a melhoria do desempenho energético do tecido industrial Português, a caminho da sustentabilidade ambiental e económica.

A participação no Towards a Sustainable Tourism Industry é gratuita, mas de inscrição obrigatória.

 

Fonte: TP; Imagem: (0) José Duarte, (1) ISQ

**

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos associados à manutenção e desenvolvimento na rede.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de transferência bancária.

MB Way: 919983484

Netbanking ou Multibanco:

NiB: 0065 0922 00017890002 91
IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91
BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

Pub

Categorias: Economia

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.