22/3 Guimarães

Conferências | ‘Olhares sobre o Poder e Corrupção’ centra debate da Nova Ágora em Guimarães

Conferências | ‘Olhares sobre o Poder e Corrupção’ centra debate da Nova Ágora em Guimarães

Pub

 

 

 

A IV edição de conferências Nova Ágora, promovida pela Arquidiocese de Braga, começa em Guimarães na próxima sexta-feira, 22, e passa ainda por Vila Nova de Famalicão e Braga. Os “Olhares sobre o Poder e Corrupção” é o tema da conferência de abertura que contará com a participação de, entre outros, Joana Marques Vidal, Procuradora-Geral Adjunta no Tribunal Constitucional, no Paço dos Duques, em Guimarães.

 

 

Na próxima sexta-feira, 22 de março, os “Olhares sobre o Poder e Corrupção” é o tema em debate no Paço dos Duques, em Guimarães, com as intervenções de Joana Marques Vidal, Procuradora-Geral Adjunta no Tribunal Constitucional, Luís de Sousa, Subdiretor e Investigador Auxiliar no Instituto de Ciências Sociais (ICS-ULisboa), e Paulo de Morais, Professor Universitário e Presidente da “Frente Cívica”. A moderação fica a cargo do jornalista António Mateus.

Joana Marques Vidal é desde Novembro de 2018 representante do Procurador-Geral da República no Tribunal Constitucional. Procuradora da República desde 1994, foi também presidente da direcção da APAV (Associação Portuguesa de Apoio à Vítima) entre 2007 e 2012. Entre Outubro de 2012 e Outubro de 2018 desempenhou as funções de Procuradora-Geral da República.

Luís de Sousa é sub-director e investigador auxiliar do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa. Doutorado em Ciências Sociais e Políticas pelo Instituto Europeu de Florença, é consultor internacional sobre políticas de controlo à corrupção. Foi membro fundador e presidente da Transparência e Integridade – Associação Cívica, a representação portuguesa da Transparency International. P

aulo de Morais, por seu turno, é o atual presidente da Associação “Frente Cívica”. Foi dirigente estudantil e foi no ensino superior que iniciou a sua actividade profissional, sendo agora professor e investigador na Universidade Portucalense. Foi membro fundador e vice-presidente da Transparência e Integridade – Associação Cívica, a representação portuguesa da Transparency International, e perito do Comité Europeu Económico e Social e do Conselho da Europa.

Este debate será moderado por António Mateus. Este é jornalista desde 1984, apresenta e coordena desde 2014 o programa “Olhar o Mundo” na RTP. Durante as últimas duas décadas, entrevistou dezenas de personalidades mundiais, incluindo, os prémios Nobel da Paz, Nelson Mandela, Desmond Tutu e Frederik de Klerk. Foi o primeiro coordenador de programas e informação da RTP África, editor de Política Internacional da RTP e director e fundador em Portugal da revista Focus.

Na sexta-feira seguinte, dia 29 de Março, é a vez dos “Olhares sobre os Populismos” serem debatidos, desta vez na Casa das Artes, em Famalicão. Paulo Rangel, José Filipe Pinto e Felipe Pathé Duarte são os oradores cujos “Olhares sobre Populismos” preenchem a noite de 29 de Março. O debate, moderado por Carlos Magno, irá reflectir sobre várias questões sobre o fenómeno populista na Europa e no Mundo.

A terceira e última conferência deste ano acontece novamente no dia 5 de abril, em Braga, no Espaço Vita. “Olhares sobre as Migrações” é o tema que encerra o ciclo de conferências desta Nova Ágora. António Vitorino, Pedro Calado e José Luís Carneiro são os oradores cujos “Olhares sobre as Migrações” preenchem esta noite. O debate, moderado por Ana Paula Marques, irá refletir sobre várias questões relacionadas com os fluxos migratórios e as crises que alguns representam.

Todas as conferências Nova Ágora começam pelas 21h00 e a entrada é gratuita, embora sujeita a inscrição no sítio da Nova Ágora.

 

*

Se chegou até aqui é porque provavelmente aprecia o trabalho que estamos a desenvolver.

Vila Nova é gratuita para os leitores e sempre será.

No entanto, a Vila Nova tem custos associados à sua manutenção e desenvolvimento na rede.

Se considera válido o trabalho realizado, não deixe de efetuar o seu simbólico contributo sob a forma de transferência bancária.

MB Way: 919983404

Netbanking ou Multibanco:

NiB: 0065 0922 00017890002 91
IBAN: PT 50 0065 0922 00017890002 91
BIC/SWIFT: BESZ PT PL

*

 

Pub

Categorias: Agenda, Política

Acerca do(a) Autor(a) do artigo

Escreva um comentário

Apenas utilizadores registados podem comentar.